08/12/15

A História Sobre Ela Segurando Uma Laranja (PARTE 3)

Nota da tradutora: Essa creepypasta foi escrita e postada em 2012 no site reddit, algumas datas podem ser confusas para o leitor. As vezes o autor fala em tempo presente, mas note que o tempo em questão é em meados de 2012.

Por favor, antes de ler essa parte, tenha certeza que leu a parte 1 (onde conto a minha versão da história +atualização) e a parte 2 (onde conto a versão da minha namorada).

Oi gente, prometi uma atualização com fotos e aqui está. Também responderei algumas perguntas (Nota da tradutora: perguntas que foram feitas no fórum que foi postado em meados de 2012). Mas primeiro as coisas mais importantes, deixe-me atualizá-los:

Não tivemos mais encontros com Rose desde a “invasão” de ontem.

Os policiais ligaram pela manhã e pediram para termos cautela e que retornássemos caso algo acontecesse.

Conversei com minha mãe pelo Skype e foi, bem, foi decepcionante. Para ela Rose era apenas uma mulher normal. Na verdade, nem se lembra dela perguntando muito sobre mim. Nem desconfiava que Rose podia ser uma vadia louca psicopata. Agora meus pais estão bastante preocupados. Não sei se estão achando que fiquei louco ou preocupados com meu bem-estar.

Lila não conseguiu entrar em contato com sua mãe até agora (sua mãe está na Inglaterra).

Conversamos bastante. Decidimos em conjunto que isso deve ser parte de algum tipo de culto, sendo que nós não acreditamos muito em coisas sobrenaturais. É difícil de explicar como Rose sabia de nossa existência mesmo antes da gente se conhecer.

Recebi várias perguntas sobre como nós nos conhecemos. Essa é uma ótima pergunta, e esqueci de incluir essa informação na minha parte da história. Basicamente, no verão passado, fui para uma balada com meu melhor amigo. A festa acabou por volta da uma da manhã e ficamos ainda na frente do estabelecimento conversando e bebendo algumas cervejas. Foi quando um cara mais velho se aproximou da gente e começou a dar em cima de mim descaradamente. Sabe, não sou homofóbico nem nada, mas ele estava sendo persistente demais. Então ouvi a voz de Lila “Hey amor, o que você está fazendo? ” Me virei e a vi sentada em um banco próximo com mais duas amigas. Percebi que estava falando comigo. A expressão em seu rosto fez eu entender a situação.  Ela estava me salvando daquele cara. Falei “Desculpe, minha namorada está me chamando” e fui para perto de Lila. Ele veio logo atrás. Lila e eu tivemos uma química imediata. O homem não acreditou que estávamos juntos e continuou perguntando sobre nós, mas conseguimos inventar fatos que coincidiam na hora. Depois de alguns minutos ele se convenceu e foi embora. Naquela noite demos nosso primeiro beijo. Ela estava visitando a cidade por apenas dois dias, mas prometeu voltar para me ver. E veio duas semanas depois. Estamos juntos desde então.

Acho que alguns de vocês podem sugerir que o tal homem fazia parte do culto e nos “forçou” a ficar juntos, mas ainda tivemos o livre arbítrio de ter feito o que fizemos, então duvido muito na veracidade desta teoria da conspiração.


Lila não está muito bem em relação a sua saúde mental no momento. Está apavorada e se assusta com qualquer barulhinho. Não sei como ajuda-la. Também estou com medo, mas tentando me manter forte por ela.

Alguns de vocês falaram que essa história não é real. Só digo isso: sei que essa história pode até ser inacreditável e é por esse motivo que estou postando. Muitos e vocês me ajudaram com bons conselhos e comentários gentis e só tenho a agradecer. E para os que não acreditam, fiquem à vontade para achar que é só mais uma Creepypasta mal escrita. De qualquer forma, nunca disse que seria uma boa leitura.

Se vocês acham que a história do meu batismo pode ter algo a ver com isso, arranjarei um tempo para escreve-la, mas tenho que dizer, vocês são muito impacientes. Entendam que estamos passando por maus bocados no momento. Valeu.

Algumas atualizações a respeito das fotos que estou postando:

Tirei algumas fotos antes da polícia chegar. Também, após eles irem embora (e deixarem a laranja), notei que tinha algo escrito/gravado na parte de dentro da casca. Tirei uma foto. A palavra de baixo consegui decifrar: É “OTVORI”, que significa “abrir” ou “abra” na minha língua nativa. A palavra de cima não consegui entender.

Inclusive, não sei o que fazer com a maldita laranja. Ainda está comigo. Acho que vou jogar fora… Bem, chega de enrolação, aqui estão as fotos:



 É a escada que leva até nosso quarto.



Essa é a visão que tivemos quando chegamos na porta do quarto.

A laranja em cima das cobertas.


Um close da laranja. Note o pedaço de casca. 


Foto da mensagem escrita/grava na casca. 

Outra foto da maldita laranja. 


E como eu disse, alguém mudou o papel de parede do meu notebook para uma foto minha de infância que eu nem se quer tinha salva. 


Se alguém conseguir achar algum sentido nisso, adoraria a ajuda. A foto Polaroid está na delegacia, mas um amigo meu que é policial disse que dentro de alguns dias posso passar por lá para tirar uma cópia se eu quiser.

Por enquanto é isso.

Atualização: Borrei um pouco a última foto por conta da minha privacidade, estava revelando meu nome. Um usuário do reddit com bom coração que me mandou uma mensagem me avisando.


Ah, outra atualização: Falei com minha mãe sobre o que estava acontecendo e ela pediu que eu mandasse as fotos. Ela reconheceu a última. A mulher na foto é uma antiga amiga dela e a outra criança é filho dela. Não faz ideia de onde veio esta foto ou se alguém conhecido a tirou. Minha mãe também disse que falou com minha avó que ainda mora na Bósnia, e parece que ela sabe de alguma coisa. Terei que ligar para lá amanhã. Logo vou postar a foto que está de papel de parede aqui. Ainda estou procurando ela nas pastas (talvez esteja em uma pasta oculta?) do meu notebook.


(Para acessar a parte 4, clique aqui)

Autor: inaaace


9 comentários:

  1. Esse Inaaace pode convencer qualquer um, menos a mim.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Há 6 dias atrás (02/12/2015) ele postou uma creepy sobre um cachorro que tem 31 anos ou algo assim, não sei qual fim levou essa postagem dele, mas o que eu quero dizer é que mesmo com essas fotos eu continuo não acreditando, então é só isso.

    ResponderExcluir
  4. Não existe sensação melhor do que saber que postaram a parte 2 e 3 no mesmo dia <3

    ResponderExcluir
  5. Céticos, sempre querendo dar uma de "INTELIGENTE", como diria Ferdinando do Vai que cola VVIIIAAAADOOOO, TO TODA CAGADA. Adorei essa creepypasta

    ResponderExcluir
  6. Você vai se arrepender.

    ResponderExcluir
  7. Se for verdade posso ajudar, se não for se fode ai...

    ResponderExcluir
  8. Ele vai ter que ir com ela, é assim que é a lei da Laranja demoníaca :) hahahaha

    ResponderExcluir