18/12/15

O Portador do Caminho

Em qualquer cidade, em qualquer país, vá para qualquer instituição mental ou casa de repouso onde você possa entrar. Quando chegar à recepção, peça para visitar alguém que se intitula de "O Portador do Caminho". O recepcionista não se esforçará para tentar não mostrar o olhar de indiferença no rosto, enquanto entrega-lhe uma chave que, como ele vai explicar, pertence a uma sala de suprimentos não utilizados no prédio. Como se fosse realmente isso... Após localizar e abrir a porta correta, você vai encontrar-se olhando para uma estrada estreita e sinuosa suspensa em um vazio infinito. Entre.

Sair do caminho é sair da própria realidade. A eternidade de horrores imensuráveis aguarda quem tropeçar no caminho e cair no vazio pelo seu próprio erro, ou, arrastado para fora do caminho pelas monstruosidades intemporais que no vazio residem. Você nunca deve sentir como se estivesse sendo observado enquanto viaja através deste pedaço de esquecimento, caso aconteça, a melhor chance que você tem é a de congelar imediatamente no lugar e prender a respiração. Continue assim até que as monstruosidades percam o interesse ou se movam em sua direção. Neste último caso, sinta-se livre para gritar tão alto e correr tão rápido quanto puder, mas seus gritos não serão ouvidos por ninguém.

No final do caminho está uma porta que conduz a uma pequena sala. Encostado na parede ao fundo da sala está um cadáver muito magro, o que sobrou de sua pele há muito tempo já enegrecido com necrose. Pergunte a ele: "Como ele é que eles adquirem guardiões?".

Em resposta, o "cadáver" vai começar a se mexer. Um brilho vermelho sutil vai emanar de seus olhos, ele levanta a cabeça e começa a sussurrar uma história longa e macabra sobre os Portadores. Ele vai falar de pactos profanos e atrocidades inomináveis. Com o tempo, o seu conto irá abordar todas as formas dos males conhecidas pelo homem ou Deus, e algumas formas que não podem compreender. Além disso, o cadáver vai revelar a história de cada Portador e o significado do objeto que ele protege.

O Portador do Caminho nunca vai entrar em detalhes sobre si mesmo, isso ocorre porque o Portador espera que você não pergunte a ele sobre o objeto que guarda. No entanto, o brilho vermelho de seus olhos é devido à luz do objeto que brilha e que de alguma forma foi selado dentro de seu crânio.

Esse é o sétimo objeto de 538. O Portador fará qualquer coisa para mantê-lo longe dele.


14 comentários:

  1. Acabei de ir aqui no Senespra, e quase fui internado por gritar com a recepcionista.

    ResponderExcluir
  2. Fico imaginando se alguém já tentou realmente ir em um desses locais e perguntar algo algo ao tal recepcionista XD

    ResponderExcluir
  3. só eu que acho essas creepys uma bosta? tudo repetitivo

    ResponderExcluir
  4. só eu que acho essas creepys uma bosta? tudo repetitivo

    ResponderExcluir
  5. só eu que acho essas creepys uma bosta? tudo repetitivo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só eu que acho que tu repetiu o comentário para dar ênfase a tua opinião?

      Excluir
  6. Sétimo ainda? Vai demorar até o último... Essa série dos portadores ainda ta em andamento ou já acabaram todas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pelo q pesquisei já existe a história de todos os portadores. Mas está em inglês...

      Excluir
    2. SPOILERS: São, na verdade, 2538 objetos. Sim, vai demorar MUITO...
      SAUHASUHUAS

      Excluir
  7. Se minha mãe me deixesse procurar os objetos.
    Mas ne... fazer oque.

    ResponderExcluir
  8. Ah história dos portadores é muito noa eu leio todas sem falta, parabéns pela tradução!

    ResponderExcluir
  9. Ah história dos portadores é muito noa eu leio todas sem falta, parabéns pela tradução!

    ResponderExcluir