14/02/2018

As estranhas cartas para meu filho (PARTE 2)

PARTE 1

É louco como você pode estar indo a favor da corrente, vivendo a vida do melhor jeito que sabe fazer, e então algo como isso acontece e tudo começa a desmoronar a sua volta. Sinceramente, acordei hoje de manhã, com Kyle dormindo entre mim e minha esposa, e parecia que todas as cores do mundo tinham sumido. Meu estômago ainda tem um nó, mas pelo menos Kyle está seguro. Agradeço pelo apoio de todos. Nunca tivemos que lidar com nada parecido com isso, e espero que nunca mais de novo, e é importante para mim saber que vocês se importam. Isso é o que aconteceu desde minha última postagem.

Detetive Carr veio aqui em casa mais ou menos umas sete da noite. Pude perceber por sua aparência que tinha tido um longo dia - seu cabelo fino estava bagunçado como se tivesse passado a mão constantemente neles e seu celular, que havia colocado em cima da mesa não parava de apitar com ligações e mensagens. Colocou seu telefone no silencioso e colocou dentro do bolso dizendo que já tinha trabalhado demais aquele dia, muito obrigada. 

Me lembrou dos policiais à paisana que tinha mandado para o endereço às 15h no dia anterior. O carro ficou estacionado na frente de uma casa que tinha uma boa visão da casa número 3 durante a tarde. Os policiais não viram ninguém, algo que não me surpreendeu muito. A rua sem saída fica de costas para uma área florestada, o que quer dizer que, seja lá quem escrevera a carta, podia entrar e sair da Orange Circle sem usar a rua. Provavelmente foi o motivo de ter escolhido-a. 

Quando ninguém apareceu, os policiais deram uma caminhada para dar uma olhada. A casa está abandonada, assim como imaginei, mas encontraram a porta dos fundos aberta. Não podiam entrar (ainda não existia mandado de busca), mas estão fazendo pedido de um hoje. 

O detetive fez diversas perguntas, e Carrie e eu respondemos do melhor jeito que conseguimos. Tínhamos feito algum inimigo recentemente? Algo acontecera na igreja? Vimos alguém diferente/estranho no jogo de Kyle? Boas perguntas sem boas respostas. Forçamos nossos cérebros, mas não conseguimos lembrar de nada que pudesse ajudar. Carr parece achar que seja alguém que conhecemos, ou pelo menos, alguém que nos conheça. Alguém inteligente, com educação superior. 

O laboratório forense está com a carta e está verificando quaisquer sinais de digitais, mas o detetive acha que esse cara é esperto demais para isso. Além do mais, digitais só são uteis que a pessoa já foi presa anteriormente. Tenho a sensação que essa pessoa nunca foi. Ele também pediu todos os relatórios do caso do desaparecimento de Suzanne Kerrington. Eles ficam com esses papéis arquivados no porão da Prefeitura e espera conseguir colocar as mãos nisso em breve. Talvez tenha alguma pista sobre o cara. 

Quando o detetive foi embora, percebi que me sentia exposto. Vulnerável. Comecei a questionar todas as palavras que já tinha dito, qualquer coisa que tivesse deixado escapar - não importava quão insignificante - todas as minhas relações. Será que Carrie ou eu tínhamos trazido isso para nós falando ou fazendo algo em específico? Era pelo jeito que tratávamos as pessoas? É uma culpa parecida com aquela que você sente quando coloca a cabeça no travesseiro para dormir, mas sabe que não fez algo importante. Você sabe que é inútil ficar pensando naquilo, mas seu cérebro não te ouve. É terrível raciocinar do motivo que algo assim acontece com você. 

Ontem a noite dormimos - se é que pode chamar aquilo de dormir - com Kyle no nosso meio. Ele ainda está indo para a escola, porque francamente é mais seguro lá. Você não pode entrar nas dependências do colégio sem passar antes pela guarita de segurança, e tem câmeras por todos os lados. Mesmo que esse doente seja um dos professores, o que duvido muito, não ousaria fazer algo com Kyle lá dentro. Esse não é o seu jogo. 

Nossas câmeras serão instaladas hoje a tarde. Os instaladores não puderam vir ontem, mas eu queria muito que tivessem. Guardei isso aqui para o fim, porque transcrever isso me deixa todo arrepiado. 

Hoje de manhã, quando saiu para buscar o jornal, Carrie encontrou um único envelope branco dentro da caixa de correio. Dentro, tinha um papel dobrado. 

Dean e Carrie,

Quanta sabedoria! 

(Eu sei o que fizeram)

Acharam mesmo que eu não iria perceber?

EU AVISEI que falar

faria eu me irritar

E agora não poderão se esconder. 

Você quebrou uma promessa

(e isso é tudo que interessa)

De vocês é a responsabilidade,

eu dei uma chance fugaz, 

e nesse mar de imoralidade,

você Não irá ganhar mais. 

Lembre-se que sou aquele sem rosto,

a sombra que caça no escuro. 

Qualquer um, 

ou obviamente, nenhum,

São páreos para mim, pois eu jogo sujo. 

Uma prorrogação vou dar,

(mas vai ser curta)

antes de podermos começar. 

Se Kyle não poder ficar comigo, 

VOU COMEÇAR COM UM AMIGO. 

Ouvi Carrie gritando enquanto estava sentado na mesa tomando café da manhã. Eu juro, a sensação de pavor que correu por dentro de mim parecia uma corrente elétrica. Derrubei minha tigela de cereais da mesa e sai correndo para o portão de casa. Abri a porta enquanto ela abria ao mesmo tempo, e ela caiu em meus braços, em prantos. 

Antes ela segurava tudo por um fio, agora está destruída. Não sei o que vamos fazer. 

Acho que detetive Carr colocará algo no jornal amanhã. E terei que conversar com Kyle sobre isso, finalmente. Eu não queria assustá-lo sem motivo, mas é hora de explicar a situação. Eu queria pode simplesmente vazar aqui, mas parece impossível. Não temos nenhum dinheiro de emergência, estou com dívidas da faculdade, e temos contas a pagar. Não podemos sair de nossos empregos. Até resolvermos tudo, estamos presos aqui. 

Presos aqui e a cada vez que alguém passa por nosso caminho, ficamos pensando, será ele? 

DIA 21/02/2018: As estranhas cartas para o meu filho (PARTE 3)

FONTE


15 comentários:

  1. Ahhhh esse creepy está ficando cada vez melhor ! E esse dia 21 que não chega ?!

    ResponderExcluir
  2. Ahhhh esse creepy está ficando cada vez melhor ! E esse dia 21 que não chega ?!

    ResponderExcluir
  3. Essas creepys estão meio cansativas. Podiam colocar um pouco mais de emoção.

    ResponderExcluir
  4. Agora ninguém posta mais outra creppy, enquanto essa série não terminar é? Sem falar que tem duas series sem final conclusivo. Chocolate é combustível para pesadelos, e infestatio. Quando vão terminar? Sei que ninguém ganha nada pra traduzir aqui, mas isso já é falta de consideração. Se não vão concluir, não traduzam, pois é frustante entrar toda semana esperando a continuação de uma série que a gente acompanha, e...nada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chocolate é combustivel para pesadelos ja terminou, só foram dois capitulos.

      Excluir
    2. E eu que não tenho nenhuma outra diversão, entro aqui várias vezes ao dia para ler e nada, uma semana inteira sem creepy é tortura. Li todas as creepys desde 2012 até hoje. Essas séries sem final são sacanagem, com todos os fãs de vocês :/

      Excluir
    3. Engraçado que em "Chocolate é combustível para pesadelo" não fala o que é a última parte, só se colocaram disso lá agora porque quando eu li não estava escrito e se aquilo é um final, eu pergunto, que tipo de Final é aqueleaquele? e quanto a infestatio, o que vocês falam a respeito?

      Excluir
  5. Tipo de creepy que eu adoro, queria ler tudo de uma vez logo 'u'

    ResponderExcluir
  6. Creepy Legal, o único problema é ter que esperar uma semana para ler a próxima parte, maldade divina

    ResponderExcluir
  7. Como assim não existia mandado de busca na época? Ou ele quis dizer, eles não tinham um na época?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. logo em seguida ele cita que fizeram o pedido "hoje"

      Excluir
  8. The fire of old teak wood 100 Years of Ayutthaya Temple
    Goldclub Slot The choice of games to enjoy the player is comfortable. Online baccarat game players every day. Online Casinos Games that you can choose to bet no holiday. Get fun on the phone. I do not have to spend time traveling with me. You can follow the news. police officer Phranakhon Si Ayutthaya Phranakhon Si Ayutthaya Fire brigade monks were notified. Wat Sena Sarnaram Ratchaworawihan, Phra Nakhon Si Ayutthaya Accident investigation

    The fire brigade is burning clergy monks. The old teak floor height. Adjacent to many. It is a good fuel. The officers rushed to raise water for fire control. Fire control There are 3 damaged monks and one missing. First, the police officer assumed.

    It is expected that the short circuit because of the old and the torch is from the monks who do not have a priest. A detailed interview with the witness and the evidence of Ayutthaya. Check the cause of the fire again. There are various news. We recommend betting online. Online casino games. Games that make real money fun. Just open your mind to play casino games with us. We are happy to give you the chance to have fun every day. ดาวน์โหลด GoldClub Slot

    ResponderExcluir