11/07/2011

Kingdom Hearts: The Other Mix





CAPITULO 1: O JOGO EM BRANCO
____________________________________________________________________________

Olá, meu nome é Andrew Doe. Tenho 18 anos, e eu tenho sido um grande fã de Kingdom Hearts, desde o dia que o primeiro jogo foi lançado em 2001. Joguei todos os jogos da série (Até mesmo o 358/2 Days, que eu achei meio vazio, comparado com o resto) e sempre me atualizei em todas as noticias e novidades relacionadas à série. Eu estou escrevendo isto, tanto como um aviso, quanto como um testamento em caso que alguma coisa aconteça comigo em um futuro próximo. Vamos acabar logo com isso.

Bem, eu estava no E-Bay e eu tinha encontrado uma cópia da edição Final Mix do Kingdom Hearts: Birth By Sleep. Vendo como eu só tinha a versão original, que eu já havia zerado umas dez vezes, decidi dar uma olhada.

Aparentemente, o vendedor estava muito ansioso para se livrar dele, porque a única descrição do item que ele havia colocado era "POR FAVOR, POR FAVOR, POR FAVOR! Tire isso de mim!" Fiquei um pouco desconfiado, já que ele estava cobrando apenas $3,00 pelo jogo (Com adição da taxa de transporte, é claro) e não havia nenhum licitante para o item. Eu deveria ter desconsiderado logo de cara porque, desta maneira, teria me poupado de MUITOS problemas. Mas como um idiota, eu pensei: "São apenas US$3,00, eu posso economizar bastante"

Eu solicitei o item, e foi aprovado imediatamente. Eu tinha enviado o dinheiro via PayPal, e esperei o jogo chegar durante três dias. Ele chegou à minha porta em um pacote pequeno enviado pelos correios. O carteiro parecia estar um pouco desconfiado de mim, e pediu a minha assinatura. Peguei o pacote e assinei meu nome na linha pontilhada. Foi só depois de voltar para minha casa que eu vi o porque dele estar tão desconfiado. O pacote não tinha remetente.

Antes de abri-lo, eu mandei um e-mail para o leiloeiro, apenas para não ter nenhuma resposta. Voltei no E-Bay e descobri que ele havia desativado sua conta logo após a venda. Aquilo estava ficando cada vez mais estranho, mas eu estava muito mais animado com o meu jogo novo do que com o vendedor vigarista.

Abri o pacote e vi a capa Final Mix do Kingdom Hearts: Birth By Sleep. Pelo menos ele havia me enviado o jogo, como prometeu. Eu abri a embalagem, e não vi nenhum manual. Havia somente o jogo, um Memory Stick (2 Gigabytes) e uma carta. Curioso, peguei a carta enigmática e a li. Ela dizia: "Quando a escuridão engolir tudo, tenha certeza de não cair em seu completo vazio. Mantenha sua mente, e você manterá sua vida..."

Eu pensei que aquilo era uma propaganda da Square-Enix para algo que havia planejado, já que a carta parecia ter sido digitada em sua fonte, então eu apenas a deixei de lado. Tirei o mini-CD da caixa, apenas para ver que ele estava completamente em branco. Nenhuma imagem do logotipo do jogo, nenhum número de série, nenhuma credencial de série, nem nada. Apenas... um CD.

Ele provavelmente havia removido a imagem por algum motivo estranho (Provavelmente para olhar somente para a imagem da Aqua... Pervertido, talvez? Nunca saberei >_>), então ignorei aquilo e coloquei o jogo e o Memory Stick no meu PSP. No momento que eu liguei o PSP, ele me levou direto ao menu do sistema. Olhei para o Utilitário de Dados Guardados e abri os dados contidos no Memory Stick. Ele havia zerado todas as histórias, no Level 1, Crítical Mode (Um jogador que gosta de um desafio... Uma raça em extinção). Ele tinha um arquivo do Episódio Secreto, o que queria dizer que já tinha zerado o jogo 100% e aberto o Filme Secreto, incluindo o Episódio Segredo e seu filme.

Havia outro arquivo, mas tinha algo errado. A imagem do save file não tinha a imagem do personagem com quem ele estava jogando. Na verdade, agora que penso nisso, faltava o logo do Birth By Sleep, também. Os textos mostrando onde ele estava, quando salvara, e em qual Level estava, haviam sido substituídos com a letra X (Level: "X". Location: "XXXXXX". Date: ”XX/XX/XXXX"). Pensei que aquilo poderia ser um hack ou algo assim. Tentei apagar o arquivo, mas sempre que eu colocava o cursor em cima dele, não conseguia nem acessar o menu de Opções, por algum motivo. A pessoa que fizera aquilo queria garantir que este arquivo nunca fosse deletado. Então eu sai do Utilitário e comecei a jogar.

Os bugs eram abundantes. O logo do PS2 nunca apareceu quando o jogo começou (Nem a pequena musica). Apareceu a típica mensagem "Memory Stick Checking”, e logo em seguida o PSP confirmou-o. A abertura cinematográfica do jogo não apareceu. Ele tinha ido diretamente para a tela de título. Curiosamente, o texto estava em inglês, algo completamente inesperado para um jogo Final Mix. (As versões “Final Mix” normalmente tem todo o texto em japonês). A tela de título em si não tinha música e havia uma sensação meio ameaçadora que eu não conseguia explicar.

Não havia nenhuma foto em segundo plano, ao contrário dos outros jogos que eu havia jogado do KH. Apenas o logotipo do jogo (que era de cor vermelha e preta por alguma estranha razão) e as opções embaixo. A opção “Instalar Data” não estava disponível, pois quando eu tentei clicar nela, um aviso apareceu, dizendo que "não era necessário". Fui em “Continuar”, apenas para descobrir que eu não podia carregar nenhum de seus arquivos.

Todos eles me davam a mesma mensagem, sempre quando clicava em algum: "Marque seu PRÓPRIO caminho".

Então eu tentei carregar o arquivo hackeado. Outra interrupção com outra mensagem críptica: "Veja a escuridão por si mesmo".

Aquilo não era o que eu pensava que era. Devia ser um hack. Mas eu já havia pagado o dinheiro para aquela coisa, e eu não queria que fosse desperdiçado.

Fui na opção “New Game”, e o jogo me perguntou sobre a dificuldade, como sempre. No entanto, apenas uma opção estava disponível. Esta opção estava totalmente em branco, e não havia nenhuma descrição nela. Vendo como eu não podia fazer mais nada, selecionei essa opção. A tela de título, em seguida, desapareceu em um borrão meio escuro. Estava ficando cada vez mais nervoso a cada minuto que se passava.

Ao invés da seqüência de abertura, fui recebido com outra mensagem enigmática, embora esta não seja acompanhada por alguma escolha:

"Quando os galhos se quebrarem, o berço não somente cairá... ele irá deteriorar tudo o que toca em seu caminho para baixo. Não deixe o berço cair, ou tudo será em vão".

Parecia um aviso... Mas para quê?





CAPITULO 2: A FIGURA MISTERIOSA
____________________________________________________________________________

A assustadora e enigmática abertura só conseguia me confundir, ao invés de me assustar... Mas acontece que aquilo que eu havia visto não era nada, comparado com o que vi a seguir.

A tela de Seleção de Personagens (Onde você escolhe entre Terra, Ventus e Aqua no jogo normal) apareceu. A música que normalmente se ouve nesta seqüência estava um pouco distorcida, praticamente demoníaca com o seu tom baixo e agudo. Ao invés da cena normal que aparece nessa parte, o piso da estação Awakening (onde os três geralmente estão) estava rachado em três partes, cada um dos três personagens em sua respectiva parte. O fundo em torno da Awakening tinha uma tonalidade meio arroxeada, em vez do normal preto sereno. Então, eu vi Terra, Ventus e Aqua, mas...

Eu via os três, empalados no que pareciam ser espinhos das Trevas saindo das rachaduras da estação. Os espinhos estavam atravessados em seus corpos e saindo de seus tórax de uma forma muito violenta e gráfica. Pelo que pude ver, havia sangue dos cadáveres pingando no chão de toda a estação e, em seguida, caindo no abismo abaixo. Meus olhos se arregalaram por metade medo, metade desgosto. Desde quando Kingdom Hearts tem sangue? Mas uma outra questão, ainda mais enervante: Desde quando Kingdom Hearts tem animação de sangue, em primeiro lugar?

A opção para selecioná-los apareceu. As imagens dos personagens mostravam seus olhos pingando lágrimas de sangue, enquanto suas peles estavam com uma cor muito cinza e pálida. Eu me assusto muito facilmente, então comecei a respirar mais fundo. Quem havia criado aquilo devia ter uma mente MUITO doentia. Tentando manter a calma, eu tentei selecionar a Aqua, em um esforço para testar algum grau de normalidade. Como eu esperava, uma mensagem apareceu: "A vítima do vazio..."

Tentei escolher Terra e Ventus. Mais duas mensagens apareceram.

Para o Terra: "O construtor do berço..."

Para o Ventus: "O vento empurrando o berço..."

As mensagens de rima de berçário serviram apenas para me assustar ainda mais. Hoje em dia, sempre que alguém ouve uma canção de ninar, é geralmente em um filme de terror... e isso SEMPRE significa problemas.

Eu fui para o que parecia ser uma quarta opção.

A cena da um zoom no que parece ser uma sombra, a sua figura fora de vista. A sombra em questão parecia estar usando o modelo de animação do Terra; porem o seu corpo, rosto e todas as suas características eram todas pretas... Como se estivesse tentando se esconder (Era como o Anti-Sora do Kingdom Hearts 2, só que completamente sem cor). Eu selecionei esta opção, e outra mensagem surgiu:

"O vento está soprando continuamente... Você consegue equilibrar o Berço?"

A escolha surgiu. Isso deve ser parte do aviso.

Respirando muito profundamente, eu selecionei "Sim".

Uma luz brilhou sobre a figura e um grito ensurdecedor enchia meus ouvidos, a cena se aproximando e atravessando o rosto da figura, e então uma tela de carregamento começou.

Eu não sabia o que aquilo era. E isso era apenas o começo.

Naquele momento, eu me encontrava no World Map do jogo. Este fora hackeado também. Os fundos roxos normalmente presentes estavam agora completamente escuros, e eu posso jurar que haviam olhos no meio de toda aquela escuridão, observando o mapa através das texturas de fundo (Sabe quando você tenta sair da área do mapa e é empurrado de volta? Então, AQUELAS texturas). A música que tocava era, assim como a Awakening, em tom baixo e demoníaco. Parecia que agora eu estava no controle da figura mostrada na tela de seleção dos personagens. Sua “Chave de Transporte” não fora poupado da modificação também. A figura estava montada no que parecia ser um objeto sangrento. À primeira vista, aquilo me parecia uma cruz, mas depois que me movi um pouco, eu vi o que pareciam ser asas batendo. Tentando ignorar isso, olhei ao meu redor.

Eu movi a figura para a esquerda no World Map, onde os mundos das “Princesas de Coração” estavam. A Mirage Arena tinha sumido. Ao invés disso, ela fora substituído com algo que parecia com um olho humano. Parecia meio ensangüentado, e sempre quando eu me movia, a merda do olho mantinha-se mirado em mim, como se estivesse preparado para me atacar ou algo assim. A minha respiração piorou. O que significava tudo isso?

Eu não quis me arriscar ir para perto dele, então movi a figura para baixo do mapa. Os mundos das Princesas (Enchanted Dominion, Castle of Dreams e Dwarf Woodlands) estavam completamente bugados, suas estruturas substituídas com dados binários aleatórios, formados nas formas dos próprios mundos. Tentei chegar perto do Enchanted Dominion, mas a figura foi empurrada para longe no momento que cheguei perto o suficiente, como se tivesse tocado em uma barreira invisível. Obviamente, estes mundos foram desativados.

Movi a figura para longe desta área e para o outro lado do mapa. Deep Space, Neverland, Disney Town e Olympus Coliseum também estavam completamente bugados, da mesma forma... E também haviam sido desativados.

Então eu fui para a parte sul do mapa. A Mysterious Tower e a Land of Departure nem sequer estavam lá. O único mundo familiar que vi, foi a Destiny Islands. Cautelosamente, movi a figura para aquele mundo. Naquele momento, um pouso imediato aconteceu. No jogo normal, você não podia pousar na Destiny Islands.

Eu honestamente queria tirar aquele jogo de perto de mim e simplesmente esquecer tudo que eu havia visto. Mas algo dentro de mim fez com que eu continuasse... Quase como se alguém estivesse me dizendo para continuar jogando.

Escolhi a opção “Visitar esse mundo” a partir do momento em que havia pousado. Desta vez, o jogo mudou lentamente para uma tela preta como sempre, e uma tela de carregamento apareceu.

Eu tinha me acalmado um pouco, mas esse conforto não durou muito tempo. Quando o jogo carregou, eu vi a figura que estava controlando, de pé e em frente à uma porta de madeira do lado direito da Ilhas, suas feições ainda escondidas, apesar de toda a iluminação do sol naquele mundo. Eu estava chocado. Desde quando este mundo era jogavel? Enquanto eu examinava as texturas, elas pareciam meio fora de lugar. As texturas de madeira comum, que faziam a Destiny Islands parecer tão tropical e bonita, aparentemente tinham sangue ao redor das texturas daquele mundo, dando um aspecto distorcido e macabro ao lugar. Não havia música, embora eu pensava ouvir soluços e choros vindos de longe. A figura começa a andar para a frente, sem o meu controle. Eu tentei fazê-lo parar, mas não consegui, então simplesmente me encostei e esperei.

A figura caminha em direção à costa da praia, ao mesmo tempo em que os dois garotos passam correndo pela área. Eu vejo logo de cara que eles são Sora e Riku; estavam jovens, assim como no jogo original. Eles também haviam sido hackeados.

Suas roupas estavam ensangüentadas, como se tivessem acabado de sair de uma batalha desesperada. Um dos olhos Riku estavam faltando. havia um soquete vazio no lugar de seu olho esquerdo. Sora sofreu a mesma mutilação, só que com o seu olho direito. Os olhos que ainda estavam lá tinham lágrimas de sangue pingando deles, assim como as imagens na tela de seleção de personagens. Suas carnes pareciam mutiladas, quase como zumbis. Os dois imediatamente tiraram suas espadas de madeira e entraram em suas posições de batalha, pretendendo combater a figura. Sora diz alguma coisa com raiva, mas tudo que eu ouço são estáticas e sons falhando; e as legendas pareciam estar desativadas, então eu não consegui entende-lo de qualquer maneira. Neste ponto, eu estava completamente sem palavras. Eu não sabia o que aquilo significava, nem QUERIA saber, mas eu tinha que continuar jogando. Eu TINHA que saber o que ele estava tentando me dizer... Ou aquilo me assombraria para sempre.

A cena então se aproxima para as costas figura. Ela estende seu braço direito, e uma Keyblade aparece em sua mão. Com uma risada insana, ele finalmente se vira para encarar a câmera. Naquele momento, a cor preta cobrindo seu rosto e suas características começa a derreter para fora de seu corpo, sangrando nas texturas da Destiny Islands, distorcendo-as ainda mais. Agora eu sabia quem ele era.

Era Xehanort, no corpo da Terra, assim como no jogo original (com seus olhos amarelos e seu cabelo branco). A Keyblade na mão da figura também era a de Xehanort, outra pista obvia à identidade da figura.
Outra tela de carregamento apareceu. Então, a cena se moveu para trás da figura, e uma barra de informações mostrando o seu objetivo atual pairava sobre a tela. E eu não pude acreditar no que ela disse.

"MATE-OS!"

Neste ponto, eu praticamente caguei um tijolo. Aquilo era uma merda doentia! Assim que entrei no controle de Xehanort, eu notei algumas coisas. Primeiro, o a foto do personagem da Barra de HP não estava lá, assim como no arquivo salvo. Em segundo lugar, não havia nenhum D-Link ou Medidor Shotlock para Xehanort usar. Também não havia música tocando no fundo, apenas choros e soluços que parecia ficar mais alto a cada minuto que passava. Finalmente, eu pausei o jogo, e vi uma das imagens mais aterrorizantes e inesquecíveis que eu já vi na minha vida.

Na tela de Pause, tinha uma imagem de um homem real sendo rasgado ao meio por uma máquina de aparência estranha, seu sangue respingando por toda a câmera que havia tirado a foto. Seu rosto estava contorcido em agonia e seus intestinos, que caiam dos restos de seu corpo, estavam bem visíveis e claros. A imagem era muito realista, e obviamente, não era parte do jogo. Eu literalmente gritei no momento que eu o vi, vomitando em todo o lugar onde eu estava sentado. Que tipo de filho da puta espalharia uma merda tão doentia assim?!

Em um esforço para me acalmar, respirei fundo varias vezes. Eu havia acabado de ver umas coisas que NÃO iriam sair de minha mente tão cedo. Era tarde demais para voltar atrás agora. Eu TINHA que saber por que tudo isso fora feito.

Então eu sai da tela de Pause e voltei ao jogo, apenas para me encontrar jogando como Xehanort novamente. Sora e Riku começaram a avançar.

Fiz com que Xehanort corresse até Sora, atacando-o com um combo normal de três hits. A jogabilidade de Xehanort era igualzinha a do Terra, então eu sabia seus pontos fortes e fracos. Sora mal conseguia lutar, então ele não era um desafio. Percebi que enquanto atacava Sora, o céu começava a mudar de cor. Quando eu esgotei a barra de HP de Sora para 0, o céu estava com uma cor vermelho-sangue.

A cena se aproxima para uma Reaction Sequence. Sora tenta atacar uma última vez, mas enquanto ele salta no ar para atacar de cima, Xehanort aponta sua mão para Sora, e então aparece um comando na tela, e o jogo me manda apertar o botão "X" constantemente. Fazendo o que o jogo me mandara, eu observava enquanto a mão de Xehanort se enchia com as energias das Trevas. O comando desaparece, e Xehanort libera um tentáculo das Trevas que apunhala Sora no peito e o atravessa pelo outro lado. A cena se aproxima no rosto de Sora, enquanto ele diz: "O ramo está se quebrando, Andrew. Você é forte o suficiente?"

Eu estava suando de medo agora. Como diabos Sora sabia meu nome? Como é que o hacker sabia meu nome?

Naquele momento, o corpo de Sora explode em uma chuva de vermelho, e suas partes do corpo, sangue e suas vísceras caiam e se espalhavam na areia.

Xehanort se vira para encarar Riku.

Riku para por um momento, e sai de sua posição de combate.

Ele olha para Xehanort com um olhar de pena.

Então ele se vira... e olha diretamente para mim.

"O berço irá cair... e deteriorar tudo" Riku diz para mim. "Tudo o que você conhece vai deixar de existir, e você também vai".

Minhas mãos estavam literalmente tremendo agora. Eu estava começando a ficar com a sensação de que aquilo não era um hack... Era algo muito pior...

"Mas não se preocupe..." Riku diz, enquanto ele vira sua espada em direção ao seu próprio peito, pronto para se apunhalar.

E então Riku faz isso, e a espada atravessa seu peito, seu sangue jorrando de seu corpo enquanto ele cai de joelhos.

“... Você obterá um vislumbre do abismo antes de cair”.

Com um ultimo gemido, Riku finalmente cai nas areias de Destiny Islands, morto.





CAPITULO FINAL: O BERÇO QUEBRADO
____________________________________________________________________________

Minhas pernas estavam em espasmos. Meus olhos estavam arregalados. Suor estava caindo por todos os lugares de meu corpo.

Eu não podia acreditar no que estava vendo. Riku se suicidou... e se dirigiu a mim diretamente. À MIM! Não à Xehanort, mas à mim!

Fui colocado no controle de Xehanort novamente, e ele respondia aos comandos de movimento neste momento. Tudo o que eu realmente poderia fazer era aceitar o que diabos havia acontecido. Nesse ponto eu já sabia. Aquilo NÃO era um hack...

Eu usei a câmera para olhar ao redor. As tripas e o sangue de Sora estavam espalhados por toda a areia, se mexendo sempre quando Xehanort pisava neles. O cadáver de Riku só estava caído lá na areia, enquanto seu sangue escorria da ferida feita pela espada de madeira presa em seu peito e que depois boiou até a praia. Estranhamente, parecia que ele observada o Xehanort o tempo todo.

As coisas começaram de novo. O sangue que entrava na água imediatamente começava a contaminá-la, e a coloração vermelha lentamente começou a tomar o lugar da cor azul marinha do vasto oceano. Decidi não ficar por ali para ver o que mais aconteceria, então eu movi Xehanort para a doca onde Selphie geralmente fica no Kingdom Hearts original. A madeira segurando a pequena doca foi quebrada, e a estrutura estava curvadas para baixo como um par de escadas (Como a “End of the World, do KH original). Então movi Xehanort mais para baixo da ilha, perto da área onde fica a casa na árvore.

Isto era muito chocante. Ao longo de toda a área, vi o que pareciam ser intestinos ou algum tipo de material orgânico espalhados pelas pedras e por todo o cais de madeira que ainda estava intacto, mesmo depois do que acontecera ali.

Eu ignorei isso, pela minha sanidade mental, aproximando-se do Lugar Secreto. Enquanto Xehanort avançava para o lugar secreto, a tela começou a piscar com estática, a cada passo que ele dava. No momento que ele está diretamente na entrada da caverna, toda a tela se torna estática... Literalmente, ela não era mais nada, SOMENTE estática, entrando em outra tela de carregamento logo em seguida, a estática ainda cobrindo a tela toda.

A estática, finalmente, começa a diminuir, e eu o via em pé na frente da saída da caverna, do outro lado da porta... mas eu imediatamente me apavorei. Ao invés dos desenhos que normalmente estão pintados nas pedras e paredes, a grande pedra na porta fora substituída com uma matéria de aparência orgânica de um músculo, enquanto os desenhos (como o de Sora e Kairi, por exemplo) foram substituídos por fotos reais semelhantes à que eu havia visto no menu de Pause, com tamanhos menores e, aparentemente, colados na textura em si. Todas as fotos mostradas eram de pessoas sendo mortas e mutiladas de formas horríveis e grotescas, muitas das representações envolvendo desmembramento. Uma mostrava um garotinho de pelo menos sete anos de idade cuja parte superior do corpo fora arrancado da pele na forma de uma camiseta, enquanto ele olhava para a câmera com um olhar cheio de tristeza. A pele fora jogada ao lado dele, implicando que o cinegrafista era o próprio autor do crime.

Quase deixei cair o PSP de minhas mãos quando vi aquilo. As outras fotos eram ainda piores, tão horríveis que eu sinceramente NÃO me atrevo a descrevê-los aqui. Eu fiz Xehanort correr até a porta, mas ela começou a se mover para longe dele. Parecia ser intencional, já que quanto mais tempo eu passava correndo em direção à porta, mais ela se afastava. Eu tentei correr de volta para a saída, só para descobrir que ela não estava mais lá... Só havia um caminho para ir.

Depois de correr por um tempo atrás da porta sem sucesso, uma Barra de D-Link finalmente apareceu em cima da Barra de HP do Xehanort. Agora eu estava preocupado. Até o momento, tudo neste jogo acontecia por uma razão. Apesar do tremor de meus dedos, eu cautelosamente apertei o botão analógico direito, e a lista de D-Links apareceu. Havia somente uma opção:
"01010100011010000110010100100000010000110111001001100001011001000110110001100101"

Eu sabia apenas uma coisa: Era uma palavra escrita em código binário. O que significava, no entanto, eu não tinha idéia. Com um suspiro trêmulo, apertei o botão “X”.

Naquele momento, uma voz ecoou de uma área desconhecida, enquanto tudo em volta do Xehanort tornava-se escuro."Quando o vento soprar, o berço cairá..."

O chão embaixo de Xehanort desaparece e ele começa a cair, e em seguida, outra tela de carregamento aparece. Depois disso, Xehanort é visto caindo em um abismo sem fim. Outra voz, desta vez soando como a de Riku:

"Tudo cairá; berço, bebê e tudo mais..."

Depois do verso da canção de ninar, comecei a ouvir gritos agonizantes de tons e origens aleatórias ecoando no lugar onde Xehanort estava. Comecei a ficar nervoso novamente. Como isso poderia ficar pior? Pergunta estúpida.

O símbolo de carregamento desapareceu, após um minuto de silêncio, enquanto Xehanort finalmente aterrissava. Comecei a controlá-lo quase imediatamente, e dei uma olhada no que me rodeava. Aquela era a Estação Awakening! Ao lado da plataforma onde eu estava, havia uma passarela. Essa passarela era feita por ainda mais fotografias de mortes e decapitações, que formavam um caminho que se curvava para baixo.

Isto significava PROBLEMA, escrito em letras maiúsculas. O que quer que este jogo esteja tentando me dizer, não iria ser tão facilmente. Na verdade, era quase como se ele estivesse me empurrando para procurar sozinho pela resposta.

Mas eu já havia chegado muito longe, suportado muita merda, muito horror, apenas para não descobrir porra nenhuma. EU MERECIA saber a resposta!

Movi o Xehanort cada vez mais perto para a passarela feita de fotografias, decidido a NÃO usar a câmera para examiná-las. Já tinha bastante merda em minha mente para os próximos anos a virem. No momento que ele alcança a primeira fotografia e começa a andar por cima dela, vários gritos soaram ao fundo. Eu parei por um momento, e depois dar outro passo, outro grito surge, este com uma intensidade muito maior. Respirando com dificuldade, mas determinado a continuar, fiz com que Xehanort corresse a toda velocidade pelo caminho fotográfico macabro. Os gritos praticamente sangraram os meus tímpanos, mas eventualmente eu atravessei todo o caminho, e então cheguei...

… Na Estação Awakening da tela de Seleção de Personagens.

Lá estavam eles. Terra, Ventus e Aqua, ainda empalados nos espinhos de antes. Parecia que o sangue sobre seus corpos havia secado. Usei a câmera, e descobri que eu estava de pé sobre a parte do Terra da estação.

Então eu virei Xehanort ao redor para ver que o caminho de fotografia desapareceu. Eu estava preso... E foi quando eu ouvi os sons. Oh Deus, os sons!

Ouvi vários sons de esguicho e movimentações estranhas, enquanto eu olhava para os corpos, que começaram a se contorcer nos espinhos sem saírem do lugar.

Ventus simplesmente estava se movendo sem parar, enquanto a cabeça de Aqua estava girando cada vez mais, no mesmo lugar; Estilo O Exorcista. Mas o pior de todos... foi o Terra.

Eu via o Terra colocar suas mãos ao redor do espinho, puxando-o para baixo constantemente e tentando subir até a ponta do mesmo. Uma vez que conseguira sair, ele caiu no chão ao lado de Xehanort. Com um fraco gemido de esforço, o corpo se levanta e fica na posição vertical. Xehanort saltou para trás e a câmera foca em Terra no estilo de animação.

"Chegou a hora, Andrew" Terra diz.

Ao ouvir mais sons de esguicho, eu olho para trás e vejo que Aqua e Ventus, finalmente, conseguiram sair de seus espinhos, e agora estavam encarando Xehanort. Aquela era a hora... A razão de tudo aquilo pela qual estava procurando saber até aquele momento estava bem ali na minha frente. O que era mais estranho, era que seus corpos haviam voltados ao normal. Um dos olhos Ventus estavam faltando, mas fora isso, todo o resto sobre eles estava perfeitamente normal. Especialmente Terra. Além de uma grande ferida no estômago, ele não tinha um arranhão. Era quase como se nada tivesse acontecido com eles.

Talvez isso fosse um símbolo?

A câmera focaliza em Aqua e Ventus, olhando para mim através da câmera.

"Quando o vento soprar..." Ventus diz.

"O berço cairá…" Aqua diz.

A câmera muda para Terra.

"... E tudo virá abaixo, Andrew, berço e tudo mais" Terra diz.

Finalmente, eu havia ficado puto e estava quase gritando desesperadamente, mesmo sabendo que o jogo não poderia me responder. Quero dizer, aquilo era só um jogo... Não é?

Aqua e Ventus olharam um para o outro, e depois de volta para mim. Ambos convocaram suas Keyblades. A câmera muda para Terra, que também convoca a sua Keyblade. Agora eu estava realmente assustado. Parecia que eles estavam prestes a sair da PSP e cortar-me em pedaços.

A câmera então muda para Xehanort, que também convoca a sua própria Keyblade em resposta.

Uma rápida tela de carregamento aparece, enquanto outra fotografia macabra e escura pisca brevemente na tela.

Passou rápido demais para que eu pudesse ver, mas por algum motivo, parecia muito familiar para mim.

A melodia para a rima do "Berço" começa a tocar no fundo.

A tela de carregamento termina, e outra Barra de Informação aparece no topo da tela, com um mensagem semelhante ao que foi escrito na nota que estava da caixa do jogo:

"Mantenha o Berço, Veja o Abismo".

Terra imediatamente corre para Xehanort, enquanto eu ganhava controle dele. Fiz com que Xehanort defendesse o ataque de Terra, e em seguida usei o Counter Hammer. O ataque fez uma série de prejuízos, tanto para o HP de Terra... quanto para seu corpo.

A força do ataque arranca um de seus braços pra fora do corpo, e ele cai no vazio abaixo da plataforma. Terra continuava com seus ataques, enquanto eu repetia a estratégia do Counter Hammer cada vez mais, até seu HP chegar em sua barra final. Xehanort defendeu outro ataque, e com isso, eu pude dar uma olhada no meu inimigo. Seu corpo estava praticamente destruído neste ponto. As orelhas dele já foram arrancadas, bem como seu braço esquerdo. Seu corpo fora mutilado, e sua armadura estava rachada. A ferida que ele tinha no estomago no começo da luta fora expandida alem do reparo, e seu olho direito sumira. Era como algo que havia saído diretamente de uma foto de autópsia.

Resistindo à vontade de vomitar, usei um dos comandos que Xehanort tinha em seu inventario, "Dark Haze". Xehanort encapou-se na escuridão e corre na direção do Terra, executando-o (bem, pelo menos o que sobrou dele) com sua Keyblade. Neste ponto, a cena se aproxima em Xehanort e Terra, enquanto eu recebia um comando para apertar “X” repetidamente. Eu o fiz, enquanto a cena muda para uma seqüência de Reação.

Xehanort puxa sua espada para fora do corpo de Terra, enquanto Terra tenta pegar sua Keyblade. Xehanort então bate na cabeça dele com a parte de trás de sua arma, e Terra finalmente cai de joelhos, derrotado. Xehanort então levanta a Keyblade no ar, e com uma risada insana, gira a sua arma. A cabeça de Terra graficamente sai pelas costuras de seu pescoço, e rola para fora da plataforma que os dois estavam lutando, caindo no abismo. A área onde sua cabeça estava começou a explodir em sangue e pequenos de carne, enquanto seu corpo inteiro caia para o chão, sem vida. Xehanort ri novamente, chutando o corpo com sua bota direita, e o cadáver rola para fora da plataforma e para o abismo, igual a sua cabeça.

Aquilo estava se tornando realmente ofensivo. Kingdom Hearts NÃO ERA um filme de ação sangrento de samurais! Aquilo era um jogo infantil!

Então eu recuperei o controle de Xehanort, enquanto Ventus saltava de seu pedaço da plataforma da Awakening, e começava a lutar com Xehanort imediatamente. A estratégia do Counter Hammer não funcionava com Ventus, ele era muito rápido. A única maneira de derrotá-lo era jogar fogo contra fogo. Eu usei mais um dos meus Comandos, "Ars Solum", para atacar Ventus depois de defender de alguns de seus ataques. Xehanort avançou agressivamente para o Ventus, dando ataque após ataque com sua Keyblade, e em seguida, pude ver como o ataque era massacrador...

A Barra de HP do Vem já tinha sido reduzido à sua barra final... mas isso não era nem a metade do estrago. Seu corpo fora inteiramente mutilado pelo ataque de Xehanort. Varias marcas do ataque estavam adornadas em todo seu corpo, enquanto seu olho restante estava pendurando para fora de seu soquete por um fio. Quase todos de tecidos de sua carne foram arrancados durante o ataque frenético de Xehanort. O sangue de seus músculos inundava a plataforma, enquanto Ventus avançava para cima de Xehanort novamente.

Eu estava desesperado, e queria acabar com aquele pesadelo o mais rápido que podia, então usei o "Dark Haze" novamente, depois de ter desviado de mais alguns de seus ataques. O ataque acertou Ventus, e outro comando apareceu veio. Logo em seguida, outra seqüência de Reação começou.

Xehanort tirou a arma do corpo Ventus e saltou para o alto, batendo com sua Keyblade na plataforma. Massas nítidas de rochas furaram Ventus, e um deles acertou seu braço, fazendo com que ele caísse na plataforma. O resto do corpo cai, e ele fica preso em outra grande rocha. A ponta da rocha encontra-se estabelecida através de sua grande ferida no estômago, e por isso, causa pouco dano ao personagem. Ventus tenta se libertar de lá, mas não consegue, já que sua coluna dentro de sua ferida serve como suporte para a pedra.

O jogo me mandava apertar o “X” novamente, e eu o fiz. Porem, depois de conseguir, eu imediatamente desejei que eu não tivesse. Xehanort levantou sua mão esquerda, coberto de forças das Trevas; enquanto as rochas se dobravam a sua vontade, a rocha principal entrava cada vez mais fundo na ferida do estomago do Ven. Xehanort, em seguida, arruma e move suas mãos, fazendo com que as rochas se torcessem e se transformassem, enquanto o resto delas perfuravam varias partes do corpo de Ven. Uma palma das mãos Xehanort finalmente parou-as, enquanto Xehanort mantinha suas mãos juntas.

Ventus grita em agonia, com a voz muito distorcida por algum motivo estranho. A melodia de berçário no fundo toca ainda mais rápida, e Xehanort finalmente levanta seus braços para o ar. As rochas explodem em um banho de Luz, e o corpo de Ven explode pela enorme pressão. Partes de seu corpo e seu sangue escorrem para o abismo abaixo, enquanto Xehanort ria freneticamente.

Eu recuperei o controle de Xehanort, enquanto desta vez, Aqua saltava para a plataforma. Ela entra em sua postura de combate e começa a caminhar ao redor da plataforma cautelosamente, esperando eu fazer algum movimento. Ela é uma maga, então ataques de longa distância não era uma boa idéia. Usei o "Solum Ars" como o meu primeiro ataque. Aqua consegue esquivar-se completamente do ataque, e em seqüência, lança vários cacos de gelo contra Xehanort. Eu conseguir me esquivar de todos os cacos, exceto um. E então eu senti-lo... Uma dor aguda em minha mente no momento exato que o caco me acertada. Eu estava muito preocupado com a minha vida, mas ainda assim, tinha que seguir em frente.

Fiz com que Xehanort ataque ela com um combo de três hits, interrompendo uma possível magia de Trovão que ela estava pronta pra soltar. Naquele momento, eu aproveitei minha chance e usei o comando "Ars Solum". O ataque, assim como com os outros, fez um dano muito grande, fazendo com que a Barra de HP da Aqua despencasse até sua ultima barra novamente. Tentei usar o "Dark Haze" logo em seguida, mas aparentemente ela previu isso e desviou para fora do caminho, fazendo com que meu ataque falhasse. Então ela mandou uma bola de fogo em minha direção, que eu conseguir refletir e mandar voando de volta para ela. Depois que a bola acerta nela, as chamas cobrem todo seu corpo, enquanto ela agarra sua cabeça e começa a gritar em agonia, com a voz distorcida também.

Aproveito a oportunidade e, finalmente, atacou-a com uma combinação de três hits. Seu HP esvazia totalmente, e então o jogo me manda apertar “X” mais uma vez, e outra seqüência de Reação começa. Xehanort coloca as mãos diretamente através das chamas, pega Aqua e a agarra em um abraço de urso. Ele aperta seu corpo muito forte, e então eu ouvi um som muito alto de algo se quebrando. Eu sabia o que havia acontecido. Xehanort havia quebrado sua espinha.

Em seguida, ele levanta Aqua no ar com as duas mãos, e começa a puxar seu corpo de ambos os lados. Um grito final de Aqua é ouvido, e seu corpo é finalmente rasgado completamente em duas metades simétricas. Depois de esperar todo o sangue, tripas e intestinos caírem de suas duas metades, Xehanort ri e joga as duas metades no abismo.

Nesse ponto, eu já não sabia mais no que acreditar. Aquilo NÃO podia ser real! Eu estava suando e tremendo constantemente de tanto medo que eu estava. A câmera então entrou no modo de filme novamente.

Xehanort começa a rir loucamente, sua voz um pouco diferente. Ele parecia um homem de trinta e poucos anos, o áudio extraído ou gravado diretamente a partir da pessoa que fizera isso. Naquele momento, mais fotos horríveis de mortes decapitações apareceram na tela com em uma velocidade muito rápida. Comecei a respirar profundamente de novo, enquanto esperava que todas elas passassem.

Um homem enganchado à uma máquina, tendo seu maxilar rasgado ao meio, abrindo sua caminho boca muito largamente.

Uma mulher amarrada à uma esteira, com um moedor de carne na frente dela.

Um homem preso a uma cadeira elétrica e pegando fogo por causa da eletricidade, estilo A Espera de um Milagre.

Um menino com seus intestinos arrancados de seu estômago, seus olhos mantidos abertos por grampos, forçando-o a assistir tudo.

E outras fotos MUITO MAIS horríveis, tão horríveis que nem consigo descrever nesta nota.

Finalmente, as fotos passaram... Xehanort começa a caminhar em direção à borda da plataforma que ele estava.

Eu tinha um bom pressentimento de que sabia o que ele ia fazer... Ele convoca sua Keyblade e vira para si mesmo, do mesmo jeito que Riku havia feito anteriormente.

Ele apunhala-se com a Keyblade, e ela permanece presa em seu corpo.

Então ele se vira para me encarar através da tela.

"O galho se quebrou, Andrew." Xehanort diz em sua voz normal. "Tudo abaixo virá, Andrew... Berço e tudo mais." Os cabelos de meu pescoço estavam literalmente de pé, e então Xehanort finalmente cai para fora da plataforma e em direção ao abismo, para onde ele havia descartado os outros cadáveres.

Outra foto horrível imediatamente surge na tela, enquanto a melodia no fundo continuava a tocar.

Foram mostrados os restos do corpo de um menino que tinha, literalmente, se quebrado inteiro, devido a uma grande queda. Seu cérebro e sangue foram espalhados ao longo de toda a grama. Então eu o vi...

Do outro lado do corpo, estavam os restos quebrados de... um berço de um bebê.

A foto em seguida desaparece, enquanto uma outra surge em seu lugar.

Era a mesma imagem, mas tirada de um ângulo diferente. Um galho de árvore quebrado podia ser visível agora, e ao lado do galho, estava o rosto do cadáver. Era...

ERA O MEU ROSTO!!!

Com um grito muito alto, joguei meu PSP do outro lado da sala, e ele atingiu a parede, se quebrando eu varias partes.

As partes do console voaram ao redor da sala e caíram em lugares diferentes, enquanto a tela caia bem próxima de mim. Então eu notei que, apesar do enorme impacto, a tela estava completamente intacta. E parecia que tinha alguma coisa nela.

Agora estou aqui, escrevendo este relato, na esperança de que alguém o leia. Estou em meu quarto, terminando de escrever toda esta história, e o PSP continua quebrado do outro lado da sala, com a tela brilhando. É muito estranho isso que estou sentindo... Parece que alguma força está me puxando para ver o que há lá; aquilo parece uma imagem, ou uma foto borrada em vermelho. Sinceramente, eu não sei. Não tenho coragem para ver isso. Mas eu preciso ver... Sinto que preciso, ou algo muito pior pode acontecer. Por isso estou escrevendo meu relato; pois caso algo aconteça comigo, quero que todos vocês saibam de meu relato, de minha história, de tudo que eu vi e passei neste horrivel pesadelo. Não quero levar esta história para o tumulo comigo, caso algo pior aconteça futuramente.

Não estou dizendo que algo assim vá acontecer, é só um mau pressentimento... Afinal, o que pode acontecer ao ver uma imagem? Quero dizer, é só uma imagem, não tem nada de mais! Isso é o que meu bom senso me diz. Porem, depois de todas essas merdas que aconteceram comigo, estou com um pressentimento muito estranho... Como uma premonição, entende? Como se algo muito ruim fosse acontecer comigo ao ver aquela merda, mas não sei exatamente o que. Só sinto que preciso ver aquilo de uma vez... Não sei explicar melhor do que isso.

Mais enfim, este é o relato que deixo para vocês, caso algo aconteça comigo. Agora que tive tempo suficiente para respirar fundo e tomar um pouco mais de coragem, finalmente verei o que diabos hà naquela tela. Não agüento mais esta sensação; essa força em minha cabeça está me puxando TANTO que está praticamente insuportavel, como se minha cabeça fosse explodir a qualquer momento. É melhor acabar logo com isso, antes que piore ainda mais...

Quem sabe, no final de tudo isso, eu finalmente obterei as respostas que tanto procuro.



Andrew




____________________________________________________________________________

As notas terminam aqui. Dois dias depois do incidente, as agências policiais locais encontraram os restos do corpo de Andrew Doe embaixo de uma árvore do lado de fora de sua casa. Uma autópsia revelou que a causa da morte foi devido a um impacto que esmagou todos os seus órgãos internos. Como não havia testemunhas e nem evidências para apoiar a possibilidade de um assassinato, o caso foi considerado suicídio e fechado por tempo indeterminado.

Dois anos antes do incidente, um homem de 30 anos foi preso por ter matado seu filho de 18 anos, prendendo-o dentro de seu berço de madeira e empurrando-o para fora do telhado de sua casa. A criança morreu imediatamente no momento do impacto. O pai recebeu pena de morte. A mãe da criança desapareceu e nunca foi encontrado.

8 comentários:

  1. Muito sinistro isso. sou fãn de kingdom hearts
    e por conhecidencia agora estou jogando o birth by sleep final mix .-.

    seria legal jogar essa versão do jogo.

    ResponderExcluir
  2. legal, só se quiser morrer, otima creepy

    PS:tbm gostaria d poder jogar

    ResponderExcluir
  3. Essa foi a que me deu mais medo de todas as creepys, pq quando eu tava lendo, meu monitor desligou 4 vezes

    ResponderExcluir
  4. Gostei dessa creepy *u* .. acho que é mais legal que a Catedral Secreta :3

    ResponderExcluir
  5. espero q n aconteça nada comigo pq no mesmo dia eu li isso e fui jogar kingdom hearts 2 eu me transformei no anti-sora no jogo espero q isso seja do jogo mesmo pq isso me deu medo

    ResponderExcluir
  6. Se quer saber o que significa o código binário "01010100011010000110010100100000010000110111001001100001011001000110110001100101" , significa "The Cradle" (O Berço)...

    ResponderExcluir
  7. 0100100100100111010011010010000001000100010001010100000101000100

    ResponderExcluir