13/06/16

NES Godzilla (Replay) - Corona


Eu deveria ter ido ao trabalho hoje, mas decidi ficar em casa, "doente". Não estou tão doente assim, mas eu não tenho dormido muito bem nos últimos poucos dias. Não pelos pesadelos (Eu não lembro dos meus sonhos faz um tempo), mas sim por quê eu não consigo parar de pensar sobre o jogo.


Eu até que estou curtindo o jogo, mas tenho a sensação de que se eu continuar jogando verei algo que eu não devia.

Todavia, não vejo muito problema em zoar com a tela de senha até eu obter algumas combinações que irão gerar resultados reais. E a única maneira de consegui-las, é passando pelo jogo, logo, pelo World 3.

O World 3 é "Corona", tem um tabuleiro roxo e 4 tipos de level. Esse mundo não levaria muito para completar desde que o Boss estava à apenas 3 passos do meu ponto de partida. O que me pareceu um pouco diferente, pois o Boss de Gelid estava a 15 passos de distância. Como o caminho é muito curto, passarei por ele em poucos minutos, mas eu tentarei ir com calma.

Os Levels estão aqui;
POWER PLANT
REFLECT
PATZER
FOREST

E um Boss, que era o King Kong. O que me surpreendeu era um personagem renomado aparecendo. Eu não sei de qualquer conexão entre Godzilla e o Kong, mas eu acho que isso não importa.


A Power Plant é um level escuro, sombrio, cheio de tijolos de granito, nuvens carregadas, e bastões de energia. A eficiência do lugar é questionável, desde que os bastões de energia não tinha cabos conectores. A música tinha uma batida eletrônica.

Seguindo em frente, encontrei inimigos peculiares, e vi que alguns dos bastões de energia tinham cadeiras elétricas conectadas à eles, nas quais algumas estavam ocupadas por criaturas mortas (ou que seriam mortas). Á cada segundo, um raio caia e iluminava a tela.

Os bastões de energia parecem funcionar como um para-raios e um gerador, que suga o poder dos raios e matava a criatura na cadeira enquanto a eletricidade fluía. Então aquilo é uma usina elétrica e um campo de execução.

Como aqueles bastões atraiam os trovões, o único perigo era ser atingido e só se eu ficasse perto deles eu seria atingido.

Não é difícil de passar por ali, mas com todas aquelas coisas tristes gritando de dor enquanto seus cérebros eram fritos, não era uma atmosfera leve. O level era uma caminhada eterna para a direita, então não havia exploração em potencial, o que fazia meu caminho mais rápido.


"REFLECT" é um level parecido com um castelo cheio de espelhos. Tinha um background estranho, e uma música igualmente estranha. Como os cristais na Zona da Isolação, os espelhos ali serviam como teleportadores.


Precisei da minha adivinhação para saber em qual espelho entrar, mas o level não parecia muito grande. Eu apenas espero que algo me mostre alguma indicação que diga que eu estou indo para o fim ao invés de andar em círculos.
Os espelhos eram diferentes dos cristais dos quais as criaturas saiam pelos espelhos aleatoriamente. Normalmente eram aquelas criaturas voadoras feitas de vidro quebrado. Eu odeio aqueles bastardos pois você toma dano se tocá-los.

Enquanto explorava eu encontrei outra criatura que falava:


"Sou a coisa mais linda que existe por aqui"


Tentei fazer ela me dizer uma senha, mas ela estava muito preocupada.

Demorou um pouco, mas eu encontrei esse mini-boss, quem eu presumi ser o guardião da saída. Ele se move rapidamente mas ele não dá muito dano. Eu tinha a vantagem de ter muito mais espaço para me mover dessa vez, então os seus raios eram facilmente desviados.





O que temos aqui?



Ah, Rodan! Um monstro que eu finalmente reconheço! É um dos bons, mal posso esperar para testá-lo. Eu me lembrei de que eu não havia lutado com King Kong ainda. Eu estava tentado a usar Rodan, mas eu irei usar o Godzilla com esse daqui. Não sei o que esperar.

Caramba, ele é mais difícil do que eu esperava. Ele desvia dos meus ataques e tirava muito da minha vida.





No meio da luta o jogo começou a bugar para caralho:



Entranho, mas eu não estou reclamando. Agora é a vez do Rodan! Em "Patzer"...
Antes do level começar me pediram para "escolher um rei"?!

"Escolha um rei"

Oh, entendi. É um level com o tema de xadrez.


Não envolve jogar xadrez, na verdade. É uma coisa boa, pois eu não jogo xadrez há 8 anos.



Rodan era um bom adicional, pois fazia quase tudo que o Godzilla fazia e também voava. É apenas minha primeira impressão, mas ele parecia um personagem promissor e eu estou certo de que voar irá ajudar depois. Como o level, os carinhas pretos e brancos do xadrez não prestavam muita atenção em mim desde que eles estavam lutando entre si. Então isso faz voar e olhar em volta, procurando um dos reis, bem mais simples. 

Eu não acho que importa que rei eu pegar, então vou pegar o primeiro que eu encontrar.



Ah, ali está ele!
Então eu fui e bati nele, enquanto o level termina com outra tela de info.

"A Equipe Preta ganhou"


Foi bom para a equipe preta. Estou feliz com o final do level, pois estava começando a mexer com meus olhos. Vamos ver como é o level da floresta;



Sim, parece como um level da floresta típico. A música é relaxante. Indo para a direita, como sempre...



Do nada aquelas coisas grandes que pareciam morcegos começaram a planar, partindo das árvores. Eles estavam caçando criaturas marrons. Tentando sair daqui antes que eu seja mordido.



Eu fugi dos morcegos, nem tinham muitos deles. Não há nada de importante por aqui.



...por quê tudo perdeu a cor? E a música mudou, mas-





"Você não é daqui"


"Saia"


... Eu não sei que merda é aquela.
Talvez eu devesse apenas desligar essa coisa.

.

Então novamente, tudo o que eu tinha que fazer era a luta com o boss...
.
.
.
.



Esse cara é muito mais móvel que o último boss era, e também usava seu ataque de fúria quase constantemente. Normalmente isso apenas iria drenar o poder dele até o fim-




-A menos que ele possa ir para o topo da arena, ser atingido pelo raio e se recarregar. Eu poderia o atingir facilmente enquanto ele se recarrega, mas logo ele faria um ataque com os raios que enche a barra na tela.



Ele não parecia ter outros ataques que não fosse o raio, então eu esperava pelo medidor de energia diminuir e o batia com toda força. Era só uma questão de tempo.



E com um chute na cara, ele estava derrotado!



Não sei por quê, mas por alguma razão me senti bem por ver outro símbolo naquela parede. Eu gostaria de ver aquela coisa completa, mas talvez não seja uma boa ideia. Aquela... coisa na floresta me deu uma sensação muito ruim. E ela não ficaria feliz se soubesse que eu estaria voltando.


Continua...



14 comentários:

  1. Ah, que saudades dessa série ♡ Ela está completa, em inglês, ou vocês estão postando conforme sai?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela foi abandonada. Se eu não me engano, ela "acaba" na parte 5.

      Excluir
  2. Respostas
    1. Não. Essa é terceira parte da Sequência de NES Godzilla, chamada "Godzilla Replay"

      Excluir
  3. Mano que emoção *-* ..nem li ainda mas já vim comentar ...esperei por tanto tempo :) ... Vlw pela tradução Thiago

    ResponderExcluir
  4. AEEEOIEUWOA EEAJAJABEJAKAAAEEEEE , FINALMENTE VEI, mas entao, cade Ubloo?

    ResponderExcluir
  5. Deu falha na matriz no meu celular em em mim...lembro de ter a creepy "efeito mandela:the berwnstai bears"queria saber se vcs excluírem,ou eu problema aqui em mim.voltei no blog e a creepy não estava mas lá.

    ResponderExcluir
  6. Vocês estão bem? A creepy tá bem aqui :P

    ResponderExcluir