Postagens Semanais

Segunda-Feira
Francis Divina

Terça-Feira
Gabriel Azevedo

Quarta-Feira
Francis Divina

Quinta-Feira
Gabriel Azevedo

Sexta-Feira
Talisson Bruce

Sábado
==========

Domingo
==========

Montanha Russa da Eutanásia

7 comentários


"A eutanásia(...) refere-se à prática de acabar com a vida de uma maneira que alivie a dor e o sofrimento e é categorizada de maneiras diferentes que incluem voluntários, não-voluntários ou involuntários, ativo ou passivo.

A eutanásia geralmente é usada para se referir a eutanásia ativa, e nesse sentido, a eutanásia geralmente é considerada homicídio criminal, mas a eutanásia voluntária e passiva é amplamente não criminal. A eutanásia conduzida com o consentimento do paciente é denominada eutanásia voluntária.

A eutanásia voluntária é legal na Bélgica, no Luxemburgo, nos Países Baixos, na Suíça e nos EUA de Oregon e Washington.

Quando o paciente traz sua própria morte com a assistência de um médico, o termo suicídio assistido é frequentemente usado."

(Citação de Designing-death)

Você alguma vez se perguntou sobre a quantidade existente de suicidas? Um exemplo bem simples é relacionado a floresta de Aokigahara no japão, os moradores dessa região procuram essa floresta para cometer suicídio por diversos motivos.

E se te contarmos que algumas mentes podem pensar além?! Uma certa pessoa pode dar a alguém uma partida deste mundo digamos, de uma forma mais emocionante!

Você provavelmente nunca ouviu falar em Julijonas Urbonas, ele era um estudante quando uma ideia um tanto peculiar surgiu. Julian - vamos chama-lo assim - é muito bem formado e ganhou muitos prêmios, ele desenvolveu um projeto chamado: "Euthanasia Coaster" no português literal, 'Montanha russa da Eutanásia'. A proposta de Julian era uma morte voluntária que prometeria uma experiência um tanto quanto excepcional.

Projetada em 2012, a ''Ethanasia Coaster'' nunca chegou de fato a ser montada, por enquanto só existe um protótipo desse passeio que é de "matar" de emoção.


Esse protótipo tem como pontos cruciais para o seu desenvolvimento: engenharia, filosofia, ética, design de ficção e conceitualização.

A montanha russa da eutanásia consiste, basicamente, em uma torre enorme com uma subida lenta e uma queda brusca onde a própria gravidade faz o trabalho, o que possibilita alcançar uma força considerável na queda para passar por sete espirais em forma decrescente, o que levaria cerca de 3 minutos para completar todo o trajeto - imaginou a velocidade?

Todo esse complexo é dividido em dois momentos: A entrada, em que o corpo se prepara para um possível impacto, até que o corpo, com as formas de giro, permite que o coração fique alinhado ao ponto base em cada giro se desacelerando conforme atinge o ponto final, até que tenhamos uma experiência vertiginosa e, após, uma perda de consciência induzida, o que causa uma morte cerebral por Hipoxia, que é a privação de oxigênio no cérebro.

Um fato curioso é que provavelmente um paraplégico sobreviveria ao 'passeio', pois seu corpo não teria volume suficiente nas extremidades para agrupar o sangue.

[Esse projeto não pretende trabalhar estudos de viabilidade ou testes, nem atrair todos os públicos]


No artigo 'Projetando a Morte', cita que os chamados 'Jumpers' (Lê-se ''Diampers'') que são aqueles que cometem suicídio pulando de lugares altos, procuram um tipo de estética, para realizar o feito. O que por sua vez é exatamente a proposta da Montanha russa da Eutanásia.


Essa postagem compartilhada foi feita pelo site Não Entre Aqui. Cliquem aqui e visitem o site, para não ficarem de fora de nenhuma novidade.

7 comentários :