10/05/16

Meu Pesadelo Acordou Para a Realidade - PARTE 1

- Matheus, Matheus meu filho! Tá tudo bem, foi só um pesadelo!

Foi então que percebi que eu estava gritando e chorando. - Eu abracei forte minha mãe, meu pai parado na porta olhando. Mais tarde naquele mesmo dia minha mãe veio falar comigo.

- Filho, está tudo bem? Eu fiquei preocupada com você, faz muito tempo desde a última vez que você acordou assim de um pesadelo.

- Mãe, eu estou bem. Eu apenas... Estou meio estressado com os estudos, é muita coisa pra mim e eu estou me esforçando muito.

Nós conversamos por um bom tempo e eu afirmei para minha mãe que eu estava bem, que não estava tendo aqueles pesadelos que sempre tive. Eu menti, mas tudo para que não se preocupem tanto comigo.

Eu sempre tive essas crises de pesadelos, fui a diversos psicólogos e psiquiatras, mas nenhum foi capaz de entender o que acontecia comigo, tanto que eu desisti de tentar explicar. Mas, um dia, esses pesadelos simplesmente acabaram, digo, não totalmente...

Sabe, me disseram que pesadelo é quando você sonha com algo ruim, e dizem que uma pessoa pode ter o mesmo pesadelo várias e várias vezes, mas não eu. Eu tenho o mesmo pesadelo sempre. Aquela garotinha pálida, de cabelos negros, com um sorriso diabólico no rosto e um olhar fixo no nada. Ela está sempre sentada ao meu lado, ela não fala, não se mexe, não faz nada. É como se fosse uma boneca, uma boneca assustadora, sem falar que a escuridão torna tudo mais assustador. Sempre que eu tenho esse sonho acordo gritando e chorando, não sei porque.

Como eu disse antes, um dia esses pesadelos cessaram, por 2 anos eu não sonhei mais com aquela escuridão, mas a garota, continuou em meus sonhos. Sempre, sem exceção ela aparece em meus sonhos. Não importa que tipo de sonho seja, um piquenique em família, ela está lá, distante, me olhando, a escuridão ao seu redor. Não importa se sonho estar em uma praia, porque ela está lá, no meio do mar, pairando sobre a água e sorrindo pra mim. Eu sempre notei ela, e sempre tentei ir atrás dela, irritado, confuso, mas ela era inalcançável, não importa o quanto eu nadasse eu não conseguia chegar até ela, não importa o quão longe eu caminhasse em sua direção eu nunca a alcançava.

Na noite passada, eu sonhei com a garota que gosto. Sonhei que estávamos a sós na sala de aula, exceto pela presença daquela garota, parada na frente do quadro me observando. Como era a garota que eu gosto, então, decidi ignorar a presença da garota macabra e aproveitar, afinal, não é sempre que se sonha com a garota que ama. Eu e a Sabrina nos beijamos, e, depois daquilo, não vi mais a garota macabra, não até a próxima noite...

Então, essa noite eu sonhei de novo. Um sonho diferente dos demais. Eu estava na varanda de casa (eu vivia com meus pais num apartamento no 9º andar), sentado no chão e olhando para o céu, de repente, algo passa numa velocidade incrível, caindo abaixo. Eu me levantei e me

inclinei na proteção para ver o que tinha caído lá embaixo, até então eu não havia percebido que aquilo era só um sonho, foi quando eu vi. Lá embaixo, parada, me olhando e sorrindo, aquela garota. Fui tomado pelo ódio, e pulei. Enquanto caía, eu pude ver o chão se aproximando de mim cada vez mais, mas a garota não, ela continuava distante de mim, então, quando por fim acertei o chão pude perceber, eu estava novamente na varanda de casa, olhando para aquela maldita garota sorridente.

Foi então que fui acordado por minha mãe...

Depois de conversar com minha mãe, eu fui para a escola. O meu dia foi normal, como sempre. O tempo passou rápido e logo estava em casa de novo. Eu entrei, cumprimentei minha mãe que estava na sala e, enquanto eu andava pelo corredor indo em direção ao meu quarto pude ver, ali fora na varanda, em cima de uma escada trocando o que parecia ser a lâmpada, meu pai. Ele me viu passando, tirou sua mão que estava apoiada na parede, e me cumprimentou com uma "beleza?". No mesmo instante eu gelei, pude ver meu pai se desequilibrando e caindo, seu corpo saindo de meu campo de visão enquanto caía do 9º andar abaixo.

- PAAAAAAAAAAAAAAAAIIIIIIIIII!!! Gritei correndo em sua direção, cheguei na varanda e olhei para baixo. O que eu vi foi horrível, mas não me assustou tanto quanto ver, ao lado do corpo de meu pai que estava envolto em sangue, aquela garota... Olhando para mim, seus olhos arregalados, seu sorriso ainda mais amedrontador.

- NAAAAAOOOOO - Minha mãe gritou enquanto olhava para baixo. No mesmo instante, ela me puxou para trás, nós dois caímos de joelhos no chão, minha mãe disse enquanto me abraçava forte: "Filho fique aqui, não olhe lá embaixo!", e saiu correndo.

Eu fiquei parado de joelhos, chorando, desesperado, meu pai estava morto, e, aquela garota, ela não deveria estar lá, e com certeza isso não é um sonho. Eu me levantei, e mais uma vez me aproximei da beirada, decidido a olhar uma vez mais para baixo. Eu me inclinei lentamente, mas com os olhos fechados, instintivamente. Quando eu decidi abrir meus olhos, novamente, senti como se fosse morrer. A garota estava na minha frente, parada no ar. Meu coração disparou, senti uma forte dor no peito e estava prestes a gritar quando a garota levou um dedo à boca me fazendo um sinal e dizendo:

"Silêncio. Shhhhhhhhhhhhhhhh"

Fonte: Olho Mágico


20 comentários:

  1. Meeeeeeeeeu Deus ameeeeeeeeeeeeeei essa creepy, mal posso esperar a parte 2

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece que não vão postar a parte 2 :(
      Que pena.

      Excluir
  2. Clichê...Mas tendo garotinhas tá ótimo para mim c: Pq só eu que não tenho esses pesadelos com garotinhas trevosas ? Nem que ela estivesse me matando ou matando minha familia...Eu iria ter uma polução noturna .-.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sei como é isso nunca tive sonho com uma.

      Excluir
  3. Uma vez peguei o ursinho do meu irmão para vestir as roupas de quando ele era bebê no urso,era criança na época n tem um pq de eu estar fazendo aquilo, só sei q coloquei o urso numa estante e fui chamado lah fora de casa enquanto isso por uns amigoa papeamos por mais de hora e acabei me esquecendo no momento doq iria fazer com o o urso e esse falha na memoria me permitiu experimentar um mini infarto quando entrei em casa e vi o urso bem na estante enfrente a TV ...cara eu congelei tentando entender pq ele estava ali ....peguei aquile urso e tranquei dentro da maquina de lavar colocando um peso encima dela para que fosse difícil de abrila.... Mcq lembrei q fui eu q tinha colocado ele enfrente a tv '-------'

    ResponderExcluir
  4. Uma vez peguei o ursinho do meu irmão para vestir as roupas de quando ele era bebê no urso,era criança na época n tem um pq de eu estar fazendo aquilo, só sei q coloquei o urso numa estante e fui chamado lah fora de casa enquanto isso por uns amigoa papeamos por mais de hora e acabei me esquecendo no momento doq iria fazer com o o urso e esse falha na memoria me permitiu experimentar um mini infarto quando entrei em casa e vi o urso bem na estante enfrente a TV ...cara eu congelei tentando entender pq ele estava ali ....peguei aquile urso e tranquei dentro da maquina de lavar colocando um peso encima dela para que fosse difícil de abrila.... Mcq lembrei q fui eu q tinha colocado ele enfrente a tv '-------'

    ResponderExcluir
  5. Ja li essa creepypasta, ela e muito boa! Que bom que vocês estão trazendo ela para o blog.

    ResponderExcluir
  6. Confesso que nem terminei de ler pq eh mt clichê, gente esses temas assim de garotinhas fantasmqs eh batido dms e n da mais medo, alem do que nao foi exatamente bem escrito, não daria uma nota pq n consegui ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já leu os demais capítulos? Não? Então não julgue antes de ter lido toda a série.

      Excluir
  7. Depois da frustração da mulher com a laranja e os 1% to com medo de ler essas crep em partes melhor espera todas as partes melhor

    ResponderExcluir
  8. Esperando a parte 2. Ficou bem tenso logo no início então coisa boa deve tá vindo por aí.

    ResponderExcluir
  9. Pq sempre garotinha pálida?
    Pq nunca uma índia , negra ou coreana?
    Sempre uma branca e pálida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra que pareça clichê
      Leia os demais capítulos, tenho certeza de que vai gostar.

      Excluir
  10. Meu Nome É Matheus Imagina O Que Passou Na Minha Cabeça Quando Li A Primeira Frase Kkk

    ResponderExcluir
  11. O lokooooo q massa cr mt bom oh! Ahhhh... olha assistam Outcast hj as 23h da noite na FOX e prq qm gosta de terror!

    ResponderExcluir