Postagens Semanais

Segunda-Feira
Francis Divina

Terça-Feira
Gabriel Azevedo

Quarta-Feira
Francis Divina

Quinta-Feira
Gabriel Azevedo

Sexta-Feira
Talisson Bruce

Sábado
==========

Domingo
==========

A Dama de Preto



Esse é o pesadelo que me perturba há quatro anos. 

Alguns anos atrás, sonhei que estava na casa do meu pai, visitando-o. Meu pai, meu irmão, e eu estávamos saindo para ver o meu carro (íamos consertá-lo) mas havia algo estranho. Vi uma figura no escuro, atrás de algumas árvores. 

De início, pensei que fosse um cachorro, até que a figura se levantou. Era muito alta (quase dois metros) para ser um cachorro. Quando tentei observa-la melhor, ela se agachou e correu para trás da casa. 

Tentei esquecer. Nos aproximamos do carro, e ouvi um farfalhar entre as árvores. Olhei para o meu pai para ver se ele tinha ouvido algo; não parecia que tinha ouvido, mas ele já estava se afastando com o meu irmão. Ouvi o barulho tornando-se mais alto e comecei a correr em direção a eles. 

Olhei para trás e vi uma criatura, era negra e sangrenta, usando um longo vestido negro. Ela tinha longos dentes afiados e garras, com olhos brancos e brilhantes, e ela gritava para mim, tão alto que machucava os meus ouvidos. Tentei agarrar o braço do meu irmão, mas a minha mão passou direto por ele. Ele e o meu pai pareciam normais, enquanto a criatura gritava para mim. 

Caí no chão, tentando fugir, mas ela me alcançou, envolvendo o meu pescoço com suas mãos. Senti suas garras se afundando em meu pescoço. Enquanto eu chorava, ela continuava me sufocando e gritando pelo que pareceu uma eternidade, mas foi provavelmente por apenas 30 segundos. Assim que comecei a sentir meus pulmões se enchendo com sangue, acordei. Não consegui me mover por uns 10 minutos; eu estava paralisado de medo em minha cama, lágrimas escorrendo pelo meu rosto. Tentei gritar mas não pude, mal conseguia respirar. 

Desde então, eu a vejo em meus sonhos... 

Sempre observando... 

Esperando...