13/11/13

Guitarra de 5 cordas (Parte 2)

Modifiquei a formatação do texto, espero que fique mais agradável de ler agora.

Parte 1
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Elijah não dormiu bem. Não conseguia parar de pensar na guitarra. As notas que ele ouviu antes de entrar no quarto ecoavam em sua mente, durante seus sonhos. Subitamente, ele acordou. Eram 5 da manhã, e ainda não havia sol. Mesmo assim, Elijah não conseguia mais dormir, então pulou pra fora do sofá. Ele então começou a se mover na direção da escada em forma de caracol antes mesmo de poder entender o que estava fazendo. Para seu deleite, as notas que ouvira no seu sonho agora podiam ser ouvidas em toda a casa. Novamente, vinha da porta vermelha. Ele não ia perder tempo novamente: correu escada abaixou e entrou de vez no estúdio. Sem nem olhar em volta, olhou direto para o local aonde a guitarra estava antes.

Ela ainda estava ali, e a música, novamente, havia parado. Estendeu suas mãos para pegá-la, mas parou. Não sabia bem por que, mas algo lhe dizia para não tocar aquele instrumento. Havia algo de errado com aquilo tudo. O estúdio ainda gravando, o banquinho caído no chão, a guitarra caída e reluzindo tão perfeitamente, mesmo sabendo que estava ali há pelo menos algumas semanas, a corda que faltava... Nada fazia muito sentido. Mas ele jamais saberia  o que iria acontecer se não fosse além na sua inspeção, então ele engoliu em seco e pegou a guitarra do chão...

E nada aconteceu. Pelo menos, nada que ele pudesse ver. A guitarra, agora em suas mãos, parecia ter perdido parte do brilho que tinha enquanto estava no chão. Ela se encaixava perfeitamente em suas mãos. Ergueu o banquinho e sentou-se, colocando a guitarra no colo. Tocou um acorde de Mi maior. A guitarra estava perfeitamente afinada, mesmo sabendo que a falta da primeira corda deixava o acorde meio vazio. No entanto, ainda era o som mais belo que ele já tinha ouvido em sua vida.

Então ele notou que a guitarra tinha o mesmo som das notas que ele ouviu em seus sonhos, ao longo da noite. Era um som tão limpo e bonito que nem mesmo parecia uma guitarra. Parecia que vinham de uma harpa, mas ele viu que elas de fato vinham daquela guitarra.

Subitamente, ele pulou e olhou em volta. "ONDE VOCÊ ESTÁ? APAREÇA!", ele ordenou. Alguém devia estar tocando a guitarra, e ele se deixou levar tanto pelo momento que esqueceu de analisar bem a situação. Olhou todo o estúdio, procurou passagens secretas nas paredes e no chão.

Depois de alguns minutos de busca minunciosa, ele não encontrou coisa alguma. "Será que era a gravação?" ele pensou, e entrou na sala de controle para inspecionar o equipamento. Estava tudo desligado, como ele havia deixado no dia anterior. Nenhuma gravação, nenhuma reprodução iniciada... nada. A situação era completamente esquisita, mas Elijah lembrou-se da guitarra, e correu de volta para seu prêmio.

Fascinado, ele sentou-se, colocou a guitarra no colo e começou a se acostumar com o instrumento. A falta da 1ª corda ainda era algo estranho, mas o som maravilhoso das outras cordas compensavam. Ele começou a tocar seu repertório de clássicos. Nunca antes em sua vida Led Zeppelin soou tão incrível. O tom era perfeito para qualquer gênero musical. Se encaixava em praticamente tudo, e fazia tudo soar mais bonito que o normal. "Isso é completamente incrível", ele exclamou.

Dezenas de possibilidades passaram pela sua mente. "Essa pode ser a chance que eu estou procurando!" ele gritou. "Isso é fantástico. Eu não ligo pra que tipo de merda essas pessoas gostam hoje em dia, eu duvido que alguém não goste disso".

Com cuidado, ele colocou a guitarra no chão, foi para a sala de controle e apertou o botão de gravação. "De volta aos negócios", ele disse, e começou a fazer aquilo que mais amava.

Depois de várias horas, ele estava certo de que tinha o melhor material perfeito para mostrar ao produtor".

"Bob, você vai adorar isso. Venha aqui o mais rápido possível, tudo bem?"

"Claro, irmão. Estarei aí em breve".

Bob chegou no dia seguinte, irritado. Obviamente ele não estava muito feliz em ter que arrastar seu traseiro gordo até a casa de Elijah, mas ele queria saber se Elijah ainda sabia o que fazer. Sua camisa, por baixo do paletó, não estava abotoada, e ele tocava no bolso com o celular frequentemente. Se isso falhasse, Elijah perderia seu emprego. Ele não se preocupava, entretanto, pois não conseguia imaginar alguém não gostando do que ele fez com sua arma secreta. Elijah levou Bob até a sala de estar, onde estava o aparelho de som. "Você vai amar isso, eu garanto".

"É bom mesmo" ele respondeu, com um tom irritado. Era óbvio que ele não estava com vontade de falsear bom humor. Elijah colocou seu MP3 player no aparelho e colocou a gravação para tocar. Bob mudou de humor automaticamente. "Espera... O que é isso? É uma guitarra? Como você conseguiu esse som?!"

"Venho trabalhando nisso há algum tempo", Elijah mentiu.

"Bem, não posso acreditar que estou dizendo isso, mas está soando ótimo. Muito bom, na verdade. Continue assim, E, e logo você voltará ao mercado. Eu vou falar com a banda agora-"

"Espera!" Elijah gritou. "Na verdade... Eu queria gravar um álbum por conta própria".

"E, nós já falamos sobre isso..."

"Eu sei, Bob, mas dessa vez eu sei que vai dar certo".

"Eu não gosto da idéia... mas se você mantiver essa qualidade... eu posso te dar outra chance".

"Esteja certo de que não vou desapontá-lo!" Elijah disse, entusiasmado.

"Ok, cara, mas é tudo ou nada. E mantenha esse estilo novo, nada daquela merda que você fazia antigamente"

Elijah ficou profundamente irritado, mas tentou ignorar o comentário. "Sim, claro... É claro. Você está certo"

"Se me der licença, eu tenho alguns assuntos para tratar. Falo com você em breve". Bob saiu sem dizer mais nenhuma palavra.

Elijah estava completamente feliz. Ele não ficava assim desde que assinou o primeiro contrato. "Finalmente outra chance. Estou de volta ao mercado... De volta ao sucesso". Animado, ele decidiu voltar para o estúdio e gravar algo mais.

15 comentários:

  1. qual será o segredo dessa guitarra e desse fantástico estúdio???

    ResponderExcluir
  2. ....
    hey awdur, quantas partes tem essa creepy?
    fiquei muito interessado nela, afinal, essa guitarra de 5 cordas ..... eu ja ouvi falar algo dela, mas nunca tinha lido a historia xD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ainda tô terminando de traduzir, mas acho que mais uma ou duas partes só

      Excluir
  3. Obrigado por ter lido minha reclamação, seus lindos S2 s2 S2
    Tá bem mais fácil de ler agora e, finalmente, o protagonista parou de reclamar e fez algo.

    Ansioso pela próxima parte :D

    ResponderExcluir
  4. essa creepy tá com cara de q vai ter uma trilha sonora q se voltar a fita vai dar alguma mensagem sublimibar... ou ñ

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Maaaaaravilha,tu acha uma guitarrotcha modelo like a improviswd ninja called Brian May e não desconfia de nada. Esperto vooc hein fera 'u' mais inteligente que um asno... nau pera,ai é o Chapolin...

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. anssiossso pela(s) proxima(s) partes...
    esssa creepy ta foda!

    ResponderExcluir
  9. "Guitarra Invisivel
    Ventania
    Todo maluco tem uma guitarra
    invisivel
    E quando o rock pega ele coça a
    barriga
    E a viajem fica muito mais louca
    Com uma guitarra na mente e um
    baseado na boca
    Toque sua guitarra invisivel
    Toque sua guitarra invisivel
    Você pode até não ser um guitarrista
    De uma guitarra de madeira e metal
    Mais saiba que tem na tua cabeça
    Uma guitarra bem louca e muito
    legal
    Toque sua guitarra invisivel
    Toque sua guitarra invisivel
    Olho pro lado eu vejo que a coisa se
    agrava
    Todo mundo bem louco toca a sua
    propria guitarra
    Tem maluco que se impolga e
    balança a cabeça
    Faz marcação com o pé tocando seu
    Rock 'n Roll numa guitarra invisel
    Toque sua guitarra invisivel
    Toque sua guitarra invisivel
    Todo maluco toca uma guitarra
    invisivel
    E quando o rock pega ele coça a
    barriga
    E a viajem fica muito mais louca
    Com uma guitarra na mente e um
    baseado na boca
    Toque sua guitarra invisivel
    Toque sua guitarra invisivel
    Olho pro lado eu vejo que a coisa se
    agrava
    Todo mundo bem louco toca a sua
    propria guitarra
    Tem maluco que se impolga e
    balança a cabeça
    Faz marcação com o pé tocando seu
    Rock 'n Roll numa guitarra invisel
    Toque sua guitarra invisivel
    Toque sua guitarra invisivel".

    Hueahueahueahueahueahueahuea!!!!!!!!

    OBRIGADO PELO ORÉGANO, MANOLO!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Air guitar + orégano + roqui endi rou = Elijah

      Excluir