25/11/13

O pior encontro

Eu a conheci no OkCupid. Não gosto de admitir isso, mas infelizmente agora não resta tempo para vergonha ou honra.

Tinha acabado de passar por uma difícil separação, mas ainda não sentia necessidade de afogar as mágoas no bar. Então, procurar por novos relacionamentos pela internet significava que poderia continuar largadão em casa, só de short, vivendo de cerveja e pizza congelada.

E então ela apareceu. Morena. Incríveis olhos ardentes, sorriso grande. Seu nick era ‘Aranea’ e ela era um grande e atraente farol em um mar de mulheres medíocres. Seu perfil no entanto era um pouco desorganizado. Parecia ter sido preenchido às pressas, nem dava muitas informações. A única coisa que dizia estar interessada era sexo.

Ela deixava bem claro que isso era uma grande prioridade, me fazendo pensar que ela so poderia ser um fake ou alguma maníaca sexual. Mas aquelas fotos. Cara. Lembro claramente dela sentada com as pernas cruzadas, pelada, mas obscurecida pelas sombras e por seus longos cabelos negros. Olhando ironicamente para a câmera, como se dissesse ‘boa sorte, bando de nerds anti-sociais’.

Escrever isso é a única maneira de me fazer esquecer o que vai acontecer comigo. Então me perdoem se eu falar muita bobagem.

Na verdade, eu nem sentia vontade de entrar em contato com ela. Se não era um perfil fake então ela provavelmente já recebia várias mensagens de caras desesperados. Não sou um cara tão feio, e essa coisa toda de encontros pela internet era apenas mais uma maneira de cair na tristeza outra vez, mas ela ainda parecia um pouco fora do meu alcance. Eu me perguntava por que ela precisaria estar em um site desses.

Então ela me enviou uma mensagem.

‘E ai? Percebi que você visitou meu perfil. Você parece diferente dos outros caras. Vamos nos encontrar?’

Mesmo? Assim tão fácil? Uma pequena ponta de desconfiança começou a me corroer. Então olhei para os cinzeiros cheios e as várias garrafas de uísque espalhadas pelo meu quarto. Cocei a minha barba que estava há duas semanas por fazer e... Ah DROGA! Eu tinha que encontra-la!

Nos encontramos em um bar. Seria muito melhor para essa história se fosse um local decadente, mas não era. E nem era um lugar chique. Era apenas um bar normal, um local que agradasse a ambos. Embora isso não importasse, mesmo que tivéssemos nos encontrado em um esgoto eu ainda ficaria completamente doido por ela. Assim que ela entrou, todos os caras direcionaram os olhos para ela. E não estou exagerando aqui. TODOS os caras se viraram para olha-la. E a seguiram com os olhos enquanto ela vinha em minha direção e me dava um beijo na bochecha. Naquela hora me senti como ‘o cara mais legal do mundo’.

Estou ouvindo sirenes agora. Será que finalmente… não. Passaram direto. Não sei exatamente quanto tempo se passou, mas tenho certeza que já notaram o meu desaparecimento.

Então ali estava ela. Alta. Vestido preto curto. Delineador contornando olhos amêndoa que tornavam seu rosto ainda mais selvagem. Aquele grande sorriso mostrando dentes perfeitos. E o cheiro dela. Era demais. Nunca conheci alguém com um perfume tão bom. Sempre que ela gesticulava enquanto falava ou se movimentava para pegar a taça, eu sentia o seu incrível aroma, e isso me deixava louco.

Conversamos por quase uma hora. Ela era boa de papo, mas havia algo de estranho em suas conversas. Parecia que ela não tinha muito interesse por assuntos básicos como música ou filmes. Ela desviava rapidamente desses assuntos. E parecia extremamente curiosa quanto aos meus relacionamentos passados e meu histórico com mulheres. Contei para ela histórias engraçadas sobre os momentos constrangedores que passei com algumas mulheres, enquanto ela ria e continuava me pressionando com mais perguntas. Nunca falei tanto sobre sexo em um primeiro encontro, e ela se agarrava atentamente a cada palavra.

Acabamos na casa dela naquela mesma noite. Me ofereci para pagar um jantar mas ela disse que poderíamos ‘pedir por telefone’. Sabendo perfeitamente o que ela estava tramando, paguei rapidamente as bebidas e pegamos o primeiro táxi disponível. Mal entramos no táxi e ela já estava em cima de mim. Se ela não estivesse me agarrando eu teria notado o endereço que ela entregou para o taxista. Se ela não estivesse me enchendo de beijos durante todo o caminho eu poderia saber onde diabos estou agora. Mas ela é muito esperta.

Assim que chegamos e entramos (nos agarrando loucamente durante todo o caminho do táxi até a porta da frente) ela me ofereceu um drink. O apartamento era vazio, todas as janelas fechadas e não tinha quase nenhuma mobília. Nem quadro nas paredes. Também nem dei muita atenção para isso, já que toda a minha atenção estava voltada para ela. A bebida que ela me trouxe era refrescante. Era tipo sidecar, muito amarga e picante. Mas deliciosa ao mesmo tempo.

Então ela pulou para cima de mim outra vez. Me jogou no sofá, uma das poucas mobílias que ela possuia, e antes que eu percebesse já estávamos arrancando as roupas. Não vou entrar em detalhes. Mas foi uma coisa de louco, sexo selvagem! O perfume dela liberou todos os meus desejos primitivos. Era o paraíso. Até que o quarto começou a girar.

Até que nossos movimentos começaram a me deixar em uma espécie de êxtase. Ela estava sentada em cima de mim, me prendendo. Eu não podia me mover. E então os flashes começaram. Seu corpo perfeito se distorcendo por milisegundos. Vários olhos negros.

Várias pernas finas. Às vezes seu corpo parecia segmentado. E o seu cheiro, tão agradável no inicio, se tornou podre. Como moscas apodrecendo a muito tempo no peitoril da janela. Suas unhas em meu peito começaram a machucar, mas ela continuava em cima de mim com uma cruel determinação. Os flashes continuaram com mais frequência. Ela continuava mudando diante dos meus olhos. Pernas, olhos, mandíbula, dentes. Foi horrível. Eu queria chorar, sair correndo, mais ela estava me prendendo.

E então eu desisti de lutar.

Chegando ao clímax ela começou a rir. Um horrível e triunfante riso, enquanto eu soluçava embaixo dela. Mas de repente o riso deu lugar a um rosnado. Um rosnado de desapontamento. Ela gritou. Aquele grito terrível, animalesco, de outro mundo. Ainda estremeço ao lembrar dele.

Ela olhou para mim com ódio nos olhos, e começou a me espancar. Ela me socou. Acho que até quebrou meu nariz. Ela estava me enchendo de socos, mordidas e arranhões até que desmaiei.

Acordei nesse quarto. Esse quarto cheio de ossos. Esse quarto sem janelas com essas coisas estranhas que parecem ovos secos. Parecem ovos com buracos, como se algo tivesse saído deles. Posso ouvi-la farejando lá fora. Uma ou duas vezes por dia ela aparece para me trazer um sanduiche e um pouco de água. As vezes ela senta comigo e acaricia meu cabelo. Cantarolando um som terrível que parece me matar aos poucos por dentro.

Acho que sei o que ela quer de mim. Acho que sei por que ela está me mantendo vivo. Devo estar aqui a quase um mês agora. Acho que já está quase na hora dela tentar outra vez.


Me pergunto quanto tempo terei até ela descobrir que sou estéril...

52 comentários:

  1. ... ok... vou esperar a proxima creepy... ^^

    ResponderExcluir
  2. Agnes, Hugo, Vitória, onde vocês estão?

    ResponderExcluir
  3. gostei. A vadia era uma aranha e tava tentando procriar com o fdp. K.

    ResponderExcluir
  4. Resumo: Gordinho em site de relacionamento acha alien e se fode.

    ResponderExcluir
  5. o tempo q o cara levou pra escrever o texto, podia ter dado check in em alguma rede social e pedido socorro...e outra, ñ é possível q o cara ñ tenha levado o celular pra polícia rastrear,+ fazer o q né... é apenas uma creepy.

    ResponderExcluir
  6. Meio sem lógica essa creepy, mas ok, vamos esperar a próxima .-.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Neh. Tipo, a ETotosa deixou ele com acesso a internet e serviço de quarto, em vez de pedir ajuda, sei lá, pelo Face(?) ele pede ajuda num blog de Creepypastas. Não façam isso ao serem sequestradas, crianças...

      Excluir
  7. ela vai te levar pra um lugar melhor
    ela vai levar TODOS para um lugar melhor

    ResponderExcluir
  8. A Creepy é legal mas foi um FAIL de tradução aquele "Brunette" como nome. E a partir do "Aranea" eu já tinha sacado oq ia acontecer. Mas é legalzinha :p

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. realmente foi um FAIL mesmo rsrs

      vlw, vou corrigir agora mesmo!

      Excluir
  9. A carência, ela nunca te deixa só. npc/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É a estátua do Link (manjadores manjarão, mas em caso de não manjarem: BEN.)

      Excluir
    2. Vocês são malvados comigo ;^; Por que?

      Excluir
  10. Primeiro: Brunette é nome de puta
    Segundo: Sites de encontros nunca são confiáveis
    Terceiro: Se você não escutou o 1 nem 2 tu te fodeu my friend ;D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Primeiro: brunnete n é um nome
      Segundo: vc ta muito tempo no redtube
      Terceiro: moloko é vida

      Excluir
    2. Primeiro: Eu sei que Brunette não é nome e sim Morena em inglês
      Segundo: Eu não sou perversa como o titiu
      Terceiro: O Berimbau Di-di-ding vai te pegar
      vlw flw

      Excluir
    3. Primeiro: Conheço uma puta que chama Brunette
      Segundo:Fala mal do redtube que te mato
      Terceiro: Se fudeu é um jeito educado de acusar alguém de se masturbar
      Quarto: Nunca beba leite com manga ou então você morre

      ~Até a próxima, gente que conta as linhas~

      Excluir
    4. Primeiro: essa porra ja encheu o saco
      Segundo: eu vivo no redtube
      Terceiro: o conto foi estranho
      Quarto: n é leite é moloko

      Excluir
    5. Primeiro: treta é bom
      Segundo: redtube tambem
      Terceiro: já bebi leite com manga
      Quarto: só vim pertubar

      Excluir
    6. Primeiro: Do nada essa treta
      Segundo: Não tinha uma Brunetty na novela das sete?
      Terceiro: Essa do leite com manga é mentira
      Quarto: Só eu que reparei que "Aranea" --> Aranha?

      Excluir
    7. Primeiro: Nem conheço vocês, mas gosto de ser metida.
      Segundo: Conheço uma garota que se chama Bruneti (serve?).
      Terceiro: Leite + Manga não dá nada, não é "leite", é "moloko" (pra se tomar no moloko vellocet).
      Quarto: Não tem "quarto".

      Excluir
    8. Primeiro: Eu também não conheço, só o Esqueleto e a Agnes que são famosos
      Segundo: Acho que serve Bruneti sim
      Terceiro: O que diabos é moloko?
      Quarto: Eu não acho que tenha problema adicionar o quarto '-'

      Excluir
    9. Primeiro: Não sei pq volto todo dia nesses comentários
      Segundo: Me dá o telefone dessa Bruneti, aí eu vejo se ela serve
      Terceiro: Não faço ideia do que seja moloko
      Quarto: QUE PORR* É ESSA DE MOLOKO?

      Excluir
    10. Primeiro: Vocês nunca assistiram "A Laranja Mecânica"?
      Segundo: u.u sou famosa
      Terceiro: Anotem a receita do Moloko Vellocet: leite, leite condensado, gelo, rum, endrefina e anfetamina
      Quarto: Bons drinks.

      Excluir
    11. Primeiro: eu so forever alone,antão não conheço nimguem
      Segundo: Brunneti não é nome,mas parece nome de puta.
      Terceiro: esse moloko deve da caganeira.
      Quarto: manga mais leite da hemorroida (pior que morre)

      Excluir
    12. Primeiro: To um mês atrasado
      Segundo: Só tô comentando isso pra que vc leiam o que eu tenho a dizer
      Terceiro: O que eu tenho a dizer é- Ainda fico famoso nesse blog
      Quarto: Se você leu isso, ignore tudo. Sofro de transtornos mentais, entre eles esquizofrenia, transtorno de personalidade multipla, TOC, TIC, tique, transtorno antissocial eeeee... sinusite

      Excluir
  11. Só não entendi o que a mulher era, um alienígena, um monstro?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Aranea"
      "Várias pernas finas"
      "Milhares de olhos"
      "Corpo segmentado"
      "Ovos quebrados"
      Não sei, acho que ela era um pônei! e.e

      Excluir
    2. E a aranha do Senhor dos Anel :D

      Excluir
  12. -.- uma aranha. C não leu porra? O nome dela... O corpo segmentado... Os varios olhos.. Puts!!! Essa geração whatsapp...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não entendi que era uma aranha até a parte dos ovos rachados kkkk
      Estava esperando que ela fosse uma psicopata ou algo assim :P

      Excluir
  13. No 'Aranea' eu pensei na Aranea Serket .-.

    ResponderExcluir
  14. Legal mas eu não quero que minha mulher seja assim.

    ResponderExcluir
  15. Nesse caso eu preferiria um fake... por mais que...

    ResponderExcluir
  16. Ovos... Aranha? Oh wait... Elise? Aff, estou jogando League of Legends demais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Somente a Aranea esta a salvo em sua casa - Aranea, a fim de tomar o lugar da Elise

      Excluir
  17. Pelo que entendi, é uma aranha viúva negra, que mata seus parceiros depois de fecundada, o que explica o quarto com ossos (dos antigos parceiros) e o fato dele ainda não ter morrido, pois não havia ainda cumprido seu papel de "macho".

    Gostei da subversão do tema, trazendo pra realidade humana. E tem um quê de Súcubos nessa mulher tb, o que me cativou de cara.

    ResponderExcluir
  18. Quem curte zoofilia pira nessa história kkkkkkkkk

    ResponderExcluir