27/08/13

Creepypastas dos Fãs: Silêncio na Sala de Aula

Você está numa sala de aula. Ao fundo você vê alunos fora de seus lugares e jogando bolinhas de papel um nos outros.

No meio da sala de aula você vê alunos conversando. Uns estão virados de costas para poder conversar com mais liberdade, enquanto outros ouvem música em seus lugares sem se importar com a presença do professor.

Perto da lousa você vê pode observar alguns alunos conversando, enquanto outros copiam a lição de química atentamente.

Já você está sentado justamente na frente de seu professor. Você observa-o por uma fração de segundos e rapidamente volta a copiar a matéria, quando vê que ele também te observa.

Durante a fração de segundos no qual você olhou seu professor, você o vê que ele está debruçado. Ele apoia o rosto magro nos braços como se estivesse se livrando do stress, da mágoa, da raiva que sente por ser professor daquela maldita sala. Você também percebe que ele está suando.. Facilmente você poderia atribuir tal fato devido ao stress ou do próprio calor escaldante que faz naquele dia, mas você sabe que nenhuma dessas causas é de fato a verdadeira.

Então ele sai... Você tenta copiar rapidamente a matéria da lousa com medo da orientadora da 5ª série te encaminhar para a sala da diretora. Ele sai... E leva sua tristeza, junto com seus olhos cheios de olheira pra fora da sala.

Depois de alguns minutos ele volta... Mas não é realmente ele quem volta. Seu professor tão gentil e cansado da lugar a um ser sem nenhuma expressão, capaz de te fazer mergulhar naqueles olhos sem fundo. Ele volta... Mas não volta só... Volta com algo que foi capaz de fazer seu coração parar por instantes.

Durante esses instantes a sala toda fica em silêncio que logo após é quebrado pelos gritos de desesperos de alguns alunos. Alguns se levantam. Correm em direção à porta em busca da saída... Mas ele os cerca, encara-os e mete uma bala na cabeça do aluno mais próximo da porta.

Após o ocorrido os alunos em pé voltam para seus lugares, enquanto o professor faz um sinal com a mão pra pedir silêncio.

Você rapidamente olha para aquele ser que costuma ser seu professor e vê que ele caminha em sua direção. Você é tomado pelo medo. Ele vem... Chega perto o suficiente para ouvi-lo sussurrar para que tape os ouvidos.

Mas ao tapar os ouvidos você ainda consegue ouvir os gritos desesperadores misturado com choro deprimente daquelas crianças. Mas ele não demonstra nada... Absolutamente nada e segue caminhando no ritmo da explosão da pólvora dentro de sua pistola.

Até que uma hora ele para. Observa pela janela a movimentação desesperada de alunos e professores do outro lado do corredor enquanto policiais correm para chegar ao local da chacina. Durante os segundos em que ele olha pela janela, ele sorri e olha ao redor e vê que apenas sobrou você e mais 10 alunos vivos. Ele rapidamente caminha em sua direção novamente, olha no fundo de seus olhos e mete uma bala no meio de seus próprios olhos vazios.

Desde aquele dia você já não consegue mais dormir. Desde do começo do ano ele foi o único professor que fez a sala ficar quieta... Quieta para sempre.

Você planeja fazer o mesmo desde que decidiu se tornar professora.


Escrito/Enviado por: Pedro Bastos



26 comentários:

  1. Achei que ele tinha voltado com o capirots do lado,gosti,boa

    ResponderExcluir
  2. "Vi que meu professor cometeu suicídio...acho que vou ser professor também..."

    ResponderExcluir
  3. Creepy foda! Isso lembra até o caso da música Jeremy, do Perl Jam. Mas nesse caso, um aluno que sofria bullying frequentemente, se matou na sala de aula com um tiro na cabeça. Todos aqueles que ficaram sujos com o sangue que voou, morreram dias depois. Ah, isso é um caso real.

    ResponderExcluir
  4. De início achei que fosse algo relacionado com o massacre de realengo.

    Gostei

    ResponderExcluir
  5. Hmmm, me lembrou a musiquinha do Foster The People

    "Todas as outras crianças com sapatos caros
    É melhor vocês correrem, correrem mais rápido que a minha arma
    Todas as outras crianças com sapatos caros
    É melhor vocês correrem, correrem mais rápido que a minha bala"

    Uma pena que nem pra correr deu tempo =|

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu lembrei dessa musica tambem, pensei que eu fosse a unica nsndjnsdn mas eu Amo essa musica. Porem quando eu vi a tradução eu fiquei tipo ""masoq""..

      Excluir
    2. Eu lembrei dessa musica tambem, pensei que eu fosse a unica nsndjnsdn mas eu Amo essa musica. Porem quando eu vi a tradução eu fiquei tipo ""masoq""..

      Excluir
  6. Quimica. isso só acontece quando tem quimica

    ResponderExcluir
  7. só eu que não tive química na 5ª série?

    ResponderExcluir
  8. meu prof de matematica joga objetos em vc se nn calar a boca

    ResponderExcluir
  9. Lembrei do professor que se suicida na frente dos alunos em Another

    ResponderExcluir
  10. Lembrei do professor que se suicida na frente dos alunos em Another

    ResponderExcluir
  11. Isso na aula de Português não acontece.

    ResponderExcluir
  12. Hmm, que meta para vida essa aí, hein?!

    ResponderExcluir
  13. Muito bom essa! Achei bem triste... A realidade de um professor não é fácil.

    ResponderExcluir
  14. Achei q ele tava entregando as provas

    " todos estavam correndo procurando por uma saida"

    Yup, definitivamente entregando as provas

    ResponderExcluir
  15. Na minha sala é outro nível, bolinha de papel é passado, lá joga livro na cara XD. Professor maligno vem na minha sala plese

    ResponderExcluir
  16. Se o professor matar só os bagunceiros eu tô fudido

    ResponderExcluir
  17. Se o professor matar só os bagunceiros eu tô fudido

    ResponderExcluir