03/09/14

Creepypasta dos Fãs: Fragmento de Diário


5 de Maio

Que porcaria, parece até que nem teve fim de semana, deixei todos os trabalhos acumularem e tive que fazer ontem e hoje, não deu nem pra ir no shopping com a Bia e a Maria hoje, agora já tá passando Fantástico e não fiz nada além de digitar comer e dormir nos últimos dois dias, que fique anotado, não me enrolo mais com essa porcaria.

6 de Maio

Acabei de chegar do colégio... na boa, não sei qual é o problema da retardada da Marcela... Hoje ela veio com uma história ridícula que ela pegou da internet sobre um tal de The Rake que ela estava mostrando pras amiguinhas de inteligência rara dela, todas elas ficaram “se borrando de medo” com aquela imundice! Com certeza fingimento só pra agradar aquela vaca. Não me aguentei. Tive que chegar nela só pra provocar, falei que aquilo é só mais um monte de lixo desses sites horríveis de creepypastas, claro que ela me provocou, falou que eu era uma caipira que não sabia de nada, mas eu não me importo, realmente não me importo.

8 de maio

Semana que vem nós vamos com a galera do colégio pra um camping em São Sei-Lá-Oque, fica em Santa Catarina mas isso não importa, o que importa é que a Marcela ainda não esqueceu da porcaria da história do tal Rake, rá! Ela me fez um desafio! Acredita nisso? Aquele ser dotado de uma inteligência extremamente avantajada me desafiou “só” a “me perder” no mato a noite quando nós fossemos para o camping pra ver se eu continuava cética com essa porcaria de Rake que ela tanto fala . Não sou louca a ponto de aceitar, isso é ridículo, mas ao mesmo tempo se eu não aceitar pode ser motivo pra ela rir da minha cara pelo resto do ano, vou pensar melhor hoje a noite mesmo que a chance de eu aceitar seja zero.

9 de Maio

Mais um dia horrível no colégio! Além de levar bomba na prova de física aquela vaca ficou me enchendo o saco o tempo todo, perguntando se eu ia arregar, não aguantei mais aquela voz chata buzinando no meu ouvido e acabei aceitando, duvido que eu tenha feito a coisa certa mas agora que eu topei vou ter que ir até o fim com essa porcaria, de qualquer forma não deve ser tão ruim, são só algumas horas e além disso eu vou estar no terreno do camping, é cercado e tudo então não vai ter perigo de eu topar com um bicho ou coisa do tipo. Vou dormir logo antes que meus pais venham reclamar de eu estar acordada tão tarde.

10 de maio

Hoje eu estava no computador fazendo uma pesquisa pra um trabalho de geografia e só por curiosidade fui pesquisar sobre o tal do Rake na internet, num fórum de creepypastas dizia que é alguma coisa parecida com uma mistura de homem com cachorro, é pálido e as orbitas dos olhos estão vazias e ele tem uns 3 metros de altura, eu diria que é até pouca coisa considerando que é uma porcaria criada na internet, não estou nada preocupada, foi só curiosidade mesmo, enfim, acho q vou dormir, amanhã depois da escola vou comprar umas coisas pro camping, não quero me arriscar quando eu for entrar no mato de noite, então é bom ter equipamento, também é amanhã a tarde que nós vamos pra lá, fizemos uma vaquinha e alugamos uma van pra ir.

11 de maio

Acabei de entrar na van que vai nos levar pro camping, não é grande coisa mas é o que deu pra pagar com o dinheiro da vaquinha, já comprei tudo que precisava mas tô com uma sensação ruim, acho que não devia ter topado o desafio da marcela, mesmo que eu continue cética, acho que não foi uma boa ideia, bom agora que eu topei eu vou fundo.

O Eduardo é que tá dirigindo já que é o único com carteira de motorista, ele acha que vão ser umas 7 horas de viagem até lá, mas também, quem manda morar no meio do nada.

Acabamos de chegar são 10 da noite, como o camping tá fechado vamos dormir na van hoje e amanhã a gente entra, mas por enquanto estamos procurando uma lanchonete aqui na cidade, tá todo mundo com fome, mas como já tá tarde quase tudo tá fechado.

12 de maio

Isso aí! Chegou o dia de cumprir o desafio, já tá tudo estabelecido aqui no nosso lote, nós vamos ficar aqui três dias, agora de manha vamos lá no rio e a tarde eu vou ver se arrumo minhas coisas escondida pra poder sair de noite.

Já são seis e meia, arrumei as minhas coisas e vou me oferecer pra ir buscar lenha, a chata da marcela não para de encher o saco mas acho que ela vai entender que eu realmente aceitei o desafio quando eu entrar no mato pra “pegar lenha”, enfim quando eu já estiver numa distância razoável do nosso acampamento eu escrevo de novo.

Já estou andando faz uma meia hora, acho que o pessoal deve estar preocupado, afinal ninguém leva tanto tempo pra achar um pouco de lenha, mas acho que não devo me preocupar com eles, é só eu voltar amanhã para o acampamento e falar que acabei me perdendo quando escureceu.

Já são oito e meia, achei uma clareira no meio do mato e vou tentar acender uma fogueira, a noite está muito nublada e se eles estão me procurando vai ser difícil ver a fumaça.

Já devem ser umas nove horas, eu não consegui acendera fogueira por algum motivo a porcaria do isqueiro nem faísca solta e de alguns minutos pra cá o ambiente ficou estranhamente frio e entre isqueiro, relógio, celular e todo o resto, a única coisa que funciona é a lanterna que eu estou usando pra poder escrever isso, eu realmente não consigo entender o que está acontecendo.

São 10 horas, coisas meio estranhas começaram a acontecer, a lanterna começou a piscar, o frio aumentou e eu estou com uma sensação muito esquisita de que eu estou sendo observada, estou começando a desconfiar que talvez aquele bicho realmente exista, mesmo eu não tendo nenhuma prova, mesmo que os equipamentos falhando possam ser por causa do frio ou alguma coisa assim, eu estou começando a acreditar.

Vi alguma coisa se mexendo perto daqui, pode ser um animal qualquer, mas eu estou ficando assustada, pode até ser coisa da minha imaginação, eu estou realmente com medo, eu tenho que sair daqui.

Já estou andando há algum tempo, era pra eu estar morrendo de sono mas o pavor me mantém acordada, encontrei um porco do mato estraçalhado há uns cinco minutos, eu quero voltar pro acampamento, mas não consigo encontrar, pode ser que a cada passo que eu dou eu esteja mais longe dos meus amigos, não tem lógica nenhuma eu continuar me movendo, mas ao mesmo tempo o medo é mais forte do que qualquer pensamento sensato, eu só quero encontrar meus amigos.

Ele está atrás de mim, eu tenho certeza, só estou escrevendo agora por que quero que caso qualquer coisa me aconteça, minhas palavras permaneçam, agora eu tenho certeza de que a maldita criatura existe, eu vi, eu tenho certeza que era ela, me observando no meio do mato, só observando.

A maldita criatura apareceu, o filho da mãe se mostrou de corpo inteiro, uns 3 metros de altura, pele branca como leite, garras enormes, mas isso não era nada, isso não era simplesmente nada comparado com olhar, um olhar negro, um olhar de um par de orbitas oculares vazias... Não, vazias não, cheias de escuridão, cheias de terror, de morte, de podridão, um olhar vazio, porém que penetra no fundo da sua alma, agora eu sei que ele realmente existe, e sei o que ele quer.

O Rake está com fome, não com fome de comida, mas com fome de sangue, com fome de morte, mas eu sozinha não vou conseguir saciar ele.

Viu marcela? O Rake existe! Hahahaha! Ele existe marcela, e você vai fazer um favorzinho pra ele, todos nós vamos, eu, a Marcela , o Eduardo, a Maria, o Willian, TODO MUNDO, essa é a ultima coisa que eu vou escrever nesse maldito diário, e agora, se nos permite, nós vamos saciar a fome do Rake, todos estão amarrados, e eu? Eu vou me entregar de bom grado.

...

Esses são os fragmentos de um diário encontrado no bosque de um camping fechado à sete anos em São Mateus do Sul, Santa Catarina, no mesmo bosque próximo aos fragmentos do diário foram encontrados os restos mortais de 9 adolescentes, ninguém sabe quem foi o assassino, a polícia não acredita que o suposto ser sobrenatural realmente exista e seja o assassino, as principais suspeitas apontam para Mariana G. Silva, a adolescente de 17 anos portadora do diário.

Autor: Willian "Duke" Dissenha

6 comentários:

  1. E eu achando q o pior que tinha na floresta era o PedoBear ;/

    ResponderExcluir
  2. finalmente uma creepy dos fãs q deu interesse d ler até o fim :v
    gostei mt

    ResponderExcluir
  3. São Mateus do sul é no Paraná

    ResponderExcluir
  4. Putz me migei eu morro no Paraná e foi logo em São Mateus do Sul Santa Catarina serio que cagasso agora a primera creep que me assusta

    ResponderExcluir
  5. Putz me migei eu morro no Paraná e foi logo em São Mateus do Sul Santa Catarina serio que cagasso agora a primera creep que me assusta

    ResponderExcluir