23/09/2017

O Melhor Primeiro Encontro

ATENÇÃO : ESSA SÉRIE/CREEPYPASTA É +18. CONTÉM CONTEÚDO ADULTO E/OU CHOCANTE (ABUSO SEXUAL).

NÃO É RECOMENDADO PARA MENORES DE IDADE E PESSOAS SENSÍVEIS A ESSE TIPO DE LEITURA. LEIA COM RESPONSABILIDADE. 

A cama balançava. Não de uma forma tão violenta, mas carinhosa e rápida.

Em cima dela, dois corpos nus. O homem em cima, a mulher embaixo.

O rapaz a penetrava com vigor. Ia até o final, sempre com força e então voltava para repetir o processo logo em seguida. A moça se mantinha de olhos fechados e pernas fechadas em torno do corpo do homem, apenas se permitindo senti-lo. Talvez fosse a forma como o homem fazia com jeito e selvageria na medida certa que deixasse ela tão extasiada a ponto de sequer expressar algo e simplesmente a fizesse querer curtir a entrada.

Esses sites de relacionamento são incríveis, não é mesmo? Os dois haviam se conhecido duas semanas atrás. Trocaram telefones, jogaram conversas foras e então, um belo dia, o rapaz a chamou para um encontro.

Quem diria que ao final dele, daria tão certo?

O jovem beijava e lambia o pescoço da mulher sem parar. Ela era como a mais suculenta carne do banquete, e ele queria matar a fome com ela.

Ele a apalpava, a apertava e ia cada vez mais rápido à medida que ele ia chegando ao clímax.

Pouco antes de o atingir, uma das pernas dela se soltou de suas costas e então, com um gemido grave e respiração ofegante, ele a preencheu com seu tesão em forma material.

Desde o começo, ele a queria. Ele sabia o quão incrível a mulher era. Tinha um sorriso hipnotizante. Cabelos longos esvoaçantes e olhos tão profundos que pareciam conter o próprio mar dentro deles. E o melhor de tudo: Ela não era como a maioria das pessoas, que ligavam para o bem material e o interesse financeiro. Ela era humilde e enxergava a beleza em tudo e todos.

Para leva-la para a cama, ele não precisou conquista-la pagando uma conta cara em algum bistrô gourmet, não precisou vestir roupas caras e espalhafatosas e muito menos usar algum perfume importado da Europa. Longe disso

Ele só precisou de um pano e clorofórmio.

Autor: Luan Gonçalves


14 comentários:

  1. Esse é o tipo de creepy pasta que todos deveriam ter medo

    ResponderExcluir
  2. Show como sempre!ATÉ me lembrou uma de uma mulher que se transformava em aranha e atraia caras pra casa dela pra ter filhotes e depois comer eles. Vem cá teriam por aí mais alguma creepy como aquela do manual de sobrevivência no inferno? Se tiverem postem ai! P|S: Eu estava relendo umas creepys por aí e naquela do grito do Pikachu a parte do professor Caralho foi proposta né? Aliás eu estava revendo cavaleiros do Zodíaco e tem uma parte em que o Shaka de virgem descreve um inferno bem parecido com aquele teria alguma relação entre este inferno e o dos cavaleiros? E por fim vocês teriam mais creepy do fonte ou do Creed?

    ResponderExcluir
  3. Creepy mt boa! Eu realmente tive uma surpresa pq eu n li o aviso do abuso sexual ;-;

    ResponderExcluir
  4. li a creepy já sabendo o final por causa desse aviso aí...

    ResponderExcluir
  5. Por favor, não avisem especificamente o conteúdo +18, assim deixa a creepy previsível. Adorei, 10/10!

    ResponderExcluir
  6. Na moral, parem de avisar sobre o tipo de conteúdo que vai ter na creepy. Não dá vontade alguma de ler com um spoiler logo no início. Se é +18, é +18 e ponto final.

    ResponderExcluir
  7. esse é exatamente o tipo de creep que me deixa com medo, porque literalmente pode acontecer com QUALQUER UM.

    ResponderExcluir
  8. Gente, uma dica sobre o aviso de +18
    Tá em vermelho, então, sabendo que em vermelho é aviso, dá pra pular direto pra creepy e não pegar o possível spoiler...

    ResponderExcluir